22 agosto 2013

Fanfiction: “Você pertence a mim” Capítulo 3: I'm happy to have you by my side.



Nome: Você pertence a mim
Autora: @UmaSwiftie
Capa: @alexiaaugusto
Beta: Arlan Oliveira
Personagens: Taylor Lautner e Taylor Swift
Categoria: Original/Personalidades



Levantei-me cedo. Na verdade, depois do que havia acontecido não conseguira mais dormir. Saltei da cama, peguei a toalha que estava no chão e fui tomar um banho. Em seguida, coloquei um vestido rosa simples e uma rasteira.




Abri a geladeira para ver o que tinha para comer e encontrei algumas frutas, eu não estava com muita fome, então comi apenas uma maçã.



Lembrei que ele disse que teria uma gravação hoje, então fui acordá-lo.



– Taylor, acorda! – Falei sentando-me ao seu lado.



Ele rapidamente levantou-se e sentou na cama.



– Que horas você acordou? – Perguntou confuso.



– Faz um tempo. Acordei-lhe agora porque você disse que tinha gravação hoje.



– Caramba, é mesmo! Tenho uma hora e meia para me arrumar, dá tempo... - Ele disse olhando para o relógio que estava em frente à cama.



– Então pode levantar e tomar um banho, e depois colocar uma roupa. – Falei levantando-me ao percebendo que ele ainda estava nu.



– Por que você faz isso comigo? - Ele me puxou para cama de novo – me faz perder a noção de tudo, você me faz feliz... Eu te amo muito!



Depois de dizer essas doces e lindas palavras ele me beijou. Suas mãos estavam perdidas em meus cabelos e as minhas estavam em sua cintura.



– Também te amo. – Eu disse interrompendo o beijo – mas se você não for se arrumar logo, vai chegar atrasado.



– Não Taylor, eu só tenho hoje e amanhã com você, vem cá – ele me puxou novamente para perto dele.



Eu estava aconchegada em seus braços, ali eu me sentia segura, era como se nada pudesse me atingir.



– É tão bom ficar assim com você, sabia? – Falou quebrando os meus pensamentos.



– Eu sei que você não resiste a mim, Taylor Daniel Lautner...



– Posso te pedir uma coisa? - Ele mordeu o lábio inferior.



– Pode - respondi.



– Tenho uma hora para chegar ao set, então, por favor... Não me provoque, está bem? – Seus olhos me fitaram, e eu ganhei um beijo em seguida.



Gargalhei alto.



– Vou tomar meu banho, pantera cor de rosa. – Disse brincando.



– Vai lá, lobo mal.



Eu fui à direção da sala, sentei em uma poltrona e pensei em tudo que havia ocorrido na noite passada... O quanto Taylor me dava atenção, amor, carinho... O fato de ele me fazer uma mulher completamente realizada. Com ele eu esquecia minha verdadeira identidade, não me sentia uma cantora famosa, eu me sentia apenas a Taylor. É difícil definir tudo o que ele faz por mim, tudo o que ele me transmite, o quanto eu fico louca com apenas um toque dele, definitivamente eu sentia que estava amando-o.



– No que está pensando, meu anjo? – Taylor disse sentando-se em meu colo.



– Na felicidade que sinto por ter você ao meu lado. – Segurei seu queixo e o beijei.



– Nossa!



– Obrigada por tudo! – Dei-lhe o abraço mais forte que pude.



– E aí, vamos? – Ele perguntou.



– Claro.



Fomos pela porta dos fundos do hotel, entramos no carro e rumamos para o set.



Chegando lá, Taylor colocou os óculos escuros, desceu do carro, e foi abrir a porta para mim.



– Hum... Que namorado gato de óculos escuros...



– Engraçadinha você, não é? – Disse e me deu um selinho.



– Bom dia, Taylor! – Um segurança careca e alto o cumprimentou. Ele apenas acenou e sorriu como resposta.



– Taaaaaaylor!!! – Uma garota veio abraçá-lo, eu não havia reconhecido quem era devido à rapidez em que ela chegou. Ele soltou minha mão e correspondeu ao abraço. Naquele momento eu fiquei furiosa por dentro.



Quando ela o soltou, percebi que era Kristen. Segundo as revistas eles são melhores amigos, então acabei me acalmando.



Seguidamente, um rapaz meio louro e alto veio cumprimentá-lo, era o famoso intérprete do vampiro da saga crepúsculo... Robert!



– Que honra ter Taylor Swift aqui, eu admiro muito seu trabalho, é um prazer conhecê-la. – Robert disse e me deu um abraço.



– O prazer é todo meu! – Sorri.



Kristen não me cumprimentou, apenas sorriu para mim uma única vez.



Entramos na área do set onde seria gravada a cena. Percebi que Kristen me fitava com uma expressão meio: “ciúmes do melhor amigo”...



– Taylor, nessa cena você precisará tirar a camisa - uma voz por trás das câmeras gritou, eu não a reconheci.



Ele obedeceu e tirou a peça de roupa. Parecia até covardia fazer aquilo, as mulheres que estavam ali presentes com certeza ficaram com água na boca, afinal, é completamente inevitável não ter ao menos uma pitada de desejo quando se trata de Taylor Lautner...

Para ler todos os capítulos- Clique aqui




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário! A sua opinião sobre as fanfics é muito importante para que os autores continuem escrevendo. Fale sobre o mais gostou, sobre o que espera ler nos capítulos seguintes. Comente sobre seus personagens favoritos e os que mais detesta. Não deixe de comentar, seja mais ativo e evite que as fanfics entrem em hiatos por desmotivação da autora em escrever. Não seja um leitores fantasma. Comente agora mesmo!

DEIXE SEU RECADO!

SITE DE NOTICIAS - TAYLOR LAUTNER MANIA