09 fevereiro 2014

Entrevista com a autora de fanfics e em breve de livros: “Daya Engler”


Uma entrevista sincera e divertida, mas não poderia ser diferente sendo de Daya Engler, uma lenda no mundo das fanfics que agora tem o prazer de ver sua estória Dangerous, ser lançada como um livro em breve. Apesar de realizar o que representa um sonho para muitas escritoras de fics, Daya diz que o lançamento do livro é apenas uma satisfação pessoal e que não se sente profissional por causa disso, Ainda me acho anos luz de chegar ao profissional pra me considerar uma escritora com todo peso profissional apenas por lançar um livro, afinal, jogar uma pelada aos fins de semana não torna o caboclo um jogador profissional” - afirma Engler simples e sincera como lhe é de costume. Daya está publicando uma one conosco, a Nos Embalos de Domingoé uma estória de um capítulo só, mas muito hot Okay? Confiram a entrevista e saibam um pouco mais dessa autora que talvez publique mais de seu maravilhoso trabalho conosco.

Redes sociais e links da autora:
Twitter:  @dayalukina

Qual seu nome, como gosta de ser chamada no mundo das fanfics?

R= Daya Engler ou simplesmente Daya.
                 

O que levou você a escrever uma Fanfiction sobre o ator Taylor Lautner?

R= Carência de fics hots com ele, com um padrão de homem real e situações reais do nosso dia a dia, sem encantamentos da Disney, apenas um homem jovem como outro qualquer que diz bobagens, fala palavrões, que erra, enfim, apenas humano e homem. Eu queria a coisa toda mais crua.


Você se inspira em alguém, alguma banda, cantor (a), o que lhe inspira a escrever?

R= Em geral? Tudo é motivo de inspiração até uma ida ao banheiro (risos).

O que levou você a publicar sua Fanfic conosco?

R= Bem, primeiro porque é do TLM, se não fosse não permitiria uma estória minha aqui. Segundo, porque acho bacana dividir meus Delírios-Taylor com leitores que apreciam estórias sobre o mesmo e desejam algo mais. Simples prazer. Dividir um prazer meu que é a escrita com os demais que buscam um momento de deleite mental.

Como você caracteriza seu estilo de escritora/Escritor?

R= Sou muito metódica e gosto de minhas estórias muito próximas a realidade. Contos de fadas não são comigo, aliás, até mesmo se escrever um sobrenatural procuro trazer a estória o mais próximo do real quanto possível, pois quero que meus leitores se identifiquem com a estória, que digam: isso pode acontecer e/ou já aconteceu comigo. Isso é bacana. Uma troca mais que justa a meu ver.

Qual frase traduz seu gênero literário?

R= Resisto a tudo menos a tentação.

Há quanto tempo escreve? Como começou?

R= Há cerca de 5 anos. Começou como qualquer outra autora de fanfics, após conhecer e saber o que era fanfic (Jake&Nessie principalmente) eu li muitas, muitas mesmo até que uma estória própria (Jake&Nessie) começou a rondar minha cabeça e eu quis colocar aquilo pra fora, somente para ter escrito e então peguei gosto pela coisa.

Como se sente agora que uma de suas Fanfics está virando livro? Você é uma escritora, oficialmente.

Como se sente agora que uma de suas Fanfics está virando livro?

Feliz, mas é por mim mesma, sabe? Uma realização, não de tê-la em livro, mas de tê-la pronta e como imaginei. Como eu disse aos meus leitores, se vender ou não vender, não importa. Mas é claro que, ficarei feliz se alguém comprar, mas se não, eu estarei feliz do mesmo jeito, pois minha realização se dará quando tê-la pronta. Dever cumprido.

Obs. Daya refere-se a sua estória (Dangerous), que está saindo em breve como um livro.

R= Uma de minhas estórias (como se eu tivesse muitas *senta e chora*) vai se tornar livro em breve (Dangerous), mas não é porque imaginava ela em livro senão por motivos pessoais. Ainda me acho anos luz de chegar ao profissional pra me considerar uma escritora com todo peso profissional apenas por lançar um livro, afinal, jogar uma pelada aos fins de semana não torna o caboclo um jogador profissional, correto?

Qual sua principal dificuldade enquanto escritora?

R= Tempo e ansiedade.

Qual seu escritor ou escritora favorita?

R= Poxa! Tenho inúmeros, mas vou colocar alguns como, por exemplo: J. R. Ward (diva máster); Maya Banks; Cheyenne McCray; Machado de Assis; Lori Foster; Nicholas Sparks; Lora Leigh; Marisa Chenery entre outros mais.

O que você tem a dizer para os seus leitores e novos leitores sobre suas fics?

R= Aos meus já leitores: Pervaiada estamos expandindo (risos). Aos novatos: bem, paciência, pois não sou um robô para escrever e tenho vida própria, ou seja, um capítulo meu demora a sair, mas segundo meus leitores antigos vale muito à pena a espera *abrindo o sorriso até as orelhas*. Dedico-me com afinco para oferecer aos meus leitores um entretenimento de qualidade, com a única exigência de que dêem seu parecer, afinal não custa nada gastar um minuto a mais para dar sua HONESTA opinião quando passou 20 minutos lendo, né? Sou amante da honestidade e uma crítica não me mata, mas repudio falta de educação. E por último, não escrevo para menores, nem para puritanos e hipócritas. Nos meus escritos irão encontrar uma leitura madura em todos os sentidos. É isso!


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário! A sua opinião sobre as fanfics é muito importante para que os autores continuem escrevendo. Fale sobre o mais gostou, sobre o que espera ler nos capítulos seguintes. Comente sobre seus personagens favoritos e os que mais detesta. Não deixe de comentar, seja mais ativo e evite que as fanfics entrem em hiatos por desmotivação da autora em escrever. Não seja um leitores fantasma. Comente agora mesmo!

DEIXE SEU RECADO!

SITE DE NOTICIAS - TAYLOR LAUTNER MANIA