12 fevereiro 2014

Fanfiction: “A filha do chefe” – Capítulo 2


Depois daquele encontro não consegui dormir. Estava decidida em conquistar aquele homem e para isso teria que ir atrás dele (seria a primeira vez, normalmente são os homens que vem ao meu encontro). No dia seguinte fui até a empresa de família. Quando eu era pequena, fui até lá uma única vez, mas nunca mais voltei. Era muito chato e não era aquilo que chamava minha atenção.


- Aquela não é Elena? -perguntou uma garota à outra assim que eu saí do carro as três se aproximaram de mim.

- Meu Deus! Elena é você?

- Jessica, Natalia e Fernanda! - disse a Natalia apontando paras as irmãs. - Você está linda! Nem te reconheci!

- Ah lógico que eu me lembro de vocês: sétima série, as trigêmeas, como vão?

- Bem, mais você parece melhor!

- Você sumiu?

- Trabalho. Agora sou modelo.

- Eu sabia! Você sempre foi a mais linda de todas nós.

Sempre estudei nas melhores escolas do mundo e essas três patricinhas são minhas colegas.

- O quê você está fazendo aqui? - Jessica perguntou.

- Eu vim na empresa de meu pai. – as três começaram a rir.

- Se eu me lembro bem você odiou a primeira vez que veio aqui. -Fernanda era a mais chegada a mim. - O que aconteceu? 

- Nada! É meu patrimônio também, e tenho que cuidar do que é meu.

- Elena, nós te conhecemos muito bem. E depois desde quando você se interessa por economia? Você odeia tudo isso, acha a maior chatice!

- Tá bom eu não vou mentir pra vocês... Ontem no jantar...

- Pera ai você deu uma festa e não nos convidou? - Natalia reclamava por não ter sido convidada...

- Isso foi coisa do meu pai. Parece que estava tudo armado, eu só concordei, e vocês sabem como é o senhor Nicolas. E depois vocês não iam gostar, só tinha velho. - eu ri ao lembrar de algo e completei: - Quer dizer... Havia alguém bastante interessante! - já havíamos se dirigido ao café próximo dali.

- Quem?-as três perguntaram em um coro.

- Taylor Lautner, o assistente do meu pai. - eu respondi escondendo um sorrisinho com a xícara de café. As três abriram a boca num perfeito "oh" e eu perguntei: -O que vocês sabem dele?

- Tá brincando né? - Fernanda pulou da cadeira (não literalmente!) e continuou: - Ele é simplesmente, e é o solteiro mais cobiçado do país, quem sabe até do mundo!

- Vocês estão exagerando.

- Se vê que você passou muito tempo longe. - agora Jessica falava balançando a cabeça. - Esquece Elena, ele é inacessível, ele só pensa no trabalho!

As três tentaram me convencer á deixa-lo pra lá e esquecê-lo, mas eu não era esse tipo de garota e gostava de desafios. E ele parecia um perfeito desafio. ‘INACESSIVÉL, NINGUÉM É TOTALMENTE INACESSIVÉL NESSE MUNDO', pensei terminando meu café.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário! A sua opinião sobre as fanfics é muito importante para que os autores continuem escrevendo. Fale sobre o mais gostou, sobre o que espera ler nos capítulos seguintes. Comente sobre seus personagens favoritos e os que mais detesta. Não deixe de comentar, seja mais ativo e evite que as fanfics entrem em hiatos por desmotivação da autora em escrever. Não seja um leitores fantasma. Comente agora mesmo!

DEIXE SEU RECADO!

SITE DE NOTICIAS - TAYLOR LAUTNER MANIA