28 fevereiro 2015

Fanfiction: Ela é para o meu irmão - Cap 21

Capa/Fic: Jessica keli TLM


-Sabendo do que??   Estranhei.


-o pai daquele rapaz andou achando que vocês tinham fugido.     falou Trevan.

-deu pra perceber pela a cara que ele fez..         falei sem graça.

-E ai, esse doido.   Marli Gargalhou continuando. -foi falar pra ele que seria impossível porque vocês eram namorados! Olha só!

Ele riu e eu não aguentei de rir.

-só você mesmo Trevan.

-Ué, o cara querendo por a culpa toda em você, fiquei bolado mesmo. Falei logo. É minha namorada!    Falou colocando o braço nos meus ombros.

E Adria olhou em silencio. 
Telefone na sala tocou e Marli foi atender
-nossa namorado! Muito obrigado pela recepção, cheguei 14:30. E já são 23:00 horas!         gargalhei.

-Ta vendo como você é importante.           Brincou ele.

-Bobo.   Ri junto com ele.
E Adria colocou a jarra na geladeira batendo a porta muito forte e se retirando da cozinha.

-ih.. acho que ela não gostou da brincadeira.. vou ir lá falar com ela.
Ameacei a levantar. E ele se afastou.
-Não Emi, não precisa. Olha. Sua irmã não é merecedora de explicações, você realmente não conhece a irmã que tem..

Olhei preocupada.
-Como assim?   
Me sentei novamente. 
-olha, cuidado com a sua irmã, ela tem sido muito egoísta.. ela é ruim Emili.. sua mãe sabe bem como ela é. E estranhei ela ter deixado você vir pra cá.

Ouvi bem as palavras dele. Mais não conseguia enxergar oque ele dizia até agora.. oque de ruim ela poderia fazer?

Fui me preparar para dormir. Mandei um email para a minha mãe e nem toquei no assunto do que ocorreu. Falei rápido com as meninas. Amanhã seria um longo dia para resolver tudo que estava pendente.
(...)
No dia seguinte fui para o trabalho, fotografei um casal para a revista. Uma matéria que contava sobre "amor a segunda vista"
Eles contavam felizes acontecimentos que fizeram se odiar no primeiro encontro. Era muito interessante. Ajudei naquela matéria e mesmo que não tivesse muito haver, Taylor não saía da minha cabeça quando eles começavam a contar seus fracassos e sucessos juntos.
Pensei na possibilidade de ainda ter uma chance para nós, mais novamente meu medo tomava conta de tudo que era positivo, não era fácil evitar.
Fui para o Colégio e ainda não tinha visto as meninas então Fui buscar meus livros no armário. Muitos passavam me perguntando porque não joguei E tentei o maximo disfarçar.
Até chegar Luane e Dani..
Procurei o livro que precisava enquanto via elas se aproximarem.
Luane debochou.   -Alguém deixou o time na mão Dani.. acho que foi a Lautier fanática.
-É Taylover que as brasileiras falam, e eu acho que o nome do fandon é Mania.     Caçuou Dani.
Olhei para elas e respirei fundo fingindo que elas não estavam ali.
Percebi que sabiam mais de mim do que deveriam.
Estava farta delas.  Fechei a porta do armário com força.
-Oohh.. acho que a noite passada não foi como ela esperava!!    Riu Luane dando a volta em mim.
-Éé...    gargalhou Dani.
-Acho que além de ser fura olho da amiga, agora é fura olho da irmã também!     Gargalhou Luane.
Não estava mais me controlando, meus olhos seguravam as lágrimas.
Não aguentei ouvir aqueles absurdos. E me virei dando o livro no rosto dela com bastante força ao ponto de fazer um enorme barulho e ela voar no chão. Vi todos olharem surpresos. E Dani veio para cima de mim. Segurei o braço dela e entortei. E ela tentou pegar no meu cabelo e entortei mais.
Todo mundo fez aquele circulo e pude ouvir muitos Gritarem para que continuassemos brigando.
Ouvi o estalo do braço de Dani. O diretor saiu do meio dos alunos.
-oque esta acontecendo aqui!?
A soltei. E caímos no chão. Eu já estava farta. Meus olhos seguravam a raiva e o sofrimento que elas me causaram. Taylor e Eu ficamos naquele lugar arriscando tudo que ele construiu por uma besteira desta que renderia muitas ideias maldosas.
-Luane?!Dani?? Até você Emili!? Vão todas pra minha sala!! Agora!! Já!!
Me levantei respirando fundo, olhei para Trás e Makena estava no meio de todos me olhando assustada. Respirei fundo e fui para a sala do diretor.
Dani me encava cheia de ódio segurando seu braço. Ela parecia sentir dor.
Loane me ameaçou dizendo que não ficaria assim e seu rosto estava com uma linha marcada do livro.
Por um momento me senti arrependida, mais rapidamente achei que estava certa.
O diretor nos suspendeu por 2 dias. E 1 semana de afastamento do time de volei. Elas foram para casa e fui guardar meus livros no armário. Se não teria que leva-los para o estágio antes de ir para escola.
Todo mundo já estava na sala. Então pude caminhar mais tranquila no corredor.
-você esta bem?    Falou Makena atrás de mim.
-há.. sim. Estou..    falei fechando o armário.
-que bom, você me assustou.   Falou fria.
-elas me insultaram Makes..
-imaginei.. e depois entendi oque houve, na verdade.. teria feito o mesmo.     Falou seria.
Caramba.. que droga! Ela ainda estava diferente comigo. Ela  ia saindo.
-Makes..
-oi..?      Se virou.
-Oque fiz de errado para te pedir desculpas? Eu já disse que não sabia deles, até a Nanda já esta normal comigo, menos você..
Ela respirou fundo.
-você não confia mais em mim evocê sabe doque eu estou falando. A Nanda pagou oque ela escondeu. Você quer pagar o mesmo preço?
E se virou completando.
-você não é sincera comigo. Na verdade você não é sincera nem com você mesma Emili.
Sei que ela estava chateada comigo porque não contava nada do que sentia pelo seu irmão, ou das coisas que ela pensava ter acontecido.
Mais tinha muito medo de confessar há mim mesma, ainda mais jogar as palavras ao vento.
Percebi que ela manteria sua chateação por não confiar nela.
Então me desesperei.
-Hey! Makes!
Ela parou e se virou.
Tentei dizer algo mais desisti. As palavras não saíam.
-Nada..    falei decepcionada comigo mesma.
-Foi oque imaginei..     e se retirou.
Fui para casa pensando, se não fosse sincera com ela e não confiasse, perderia sua amizade.
Depois de algumas horas me deitei na cama pensando como ficaria sem treinar 1 semana e ficar 2 tardes em casa.
Viraria um tédio..
A noite me arrumei para ir há casa da Sandra. Ela daria uma pequena festa somente para as garotas do time para comemorar nossa vitória.
 Dani, Luane e Alice não foram devido ao que aconteceu. E Alice nem entrou em contato para dizer algum motivo. Oque me deixou mais há vontade.
-Um brinde a volta da Emi no coração da Nanda!    Falou Sandra gargalhando.
-Um brinde pela livrada da Emi na cara da Luane!     Falou Nanda.
-Um brinde porque estamos bebendo redbull porque não podemos beber álcool nenhum!!  Falou Hanna.
-Heee!!    Gritamos rindo batendo os copos.
Conversamos, tiramos fotos, dançamos, percebi Makena descer as escadas parecendo ir ao banheiro.
Esperei alguns minutos e desci, estava sentindo muita falta dela o tempo todo do meu lado. Não aceitaria perder minha amiga.
Sabia que ela estava certa, Esperei ela sair do banheiro.
-ai! Você me assustou!    Sussurrou.
Tentei sorrir. E ela disse. -então.. oi né.
E então passou por mim.
-Makes, espera.. 
Ela me olhou.
-olha, sei que não estou sendo totalmente sincera, mais é porque tenho medo até de pensar nas coisas!
Ela me olhou seria. -imagino..
Se virou para se retirar. Fiquei desesperada, ela me evitava cada vez mais por isso.
Ve-la agir assim me fazia me sentir angústiada. Caiu uma lágrima dos meus olhos vendo ela se retirar.
Tinha muito medo de pronúncia oque estava sentindo. Mais sabia que una hora iria ter que pronunciar e também precisava confiar nela.
-Makena.. Eu amo seu irmão..
Ela parou de caminhar e me olhou seria.
-Não deveria dizer coisas do tipo quando não se tem certeza.
-É, mais eu tenho..     olhei para baixo.
Estava muito nervosa, mais depois que consegui, deveria esclarecer tudo.
-Eu o amo, mais é tão confuso dentro de mim, tenho muito medo da forma de como esses sentimentos irão ficar, tenho medo dele saber, do que vai pensar.. E eu estou com tanto medo o Evan me deixou feridas que pensei que nunca iriam me atrapalhar tanto!
Suspirei nervosa. -por isso tinha medo de dizer há alguém.. não foi desconfiança, foi medo..
Ela me abraçou.
-Me desculpa Makes, sei que deveria ter dito antes.. mais prometo que nunca mais deixarei de contar as coisas para você.
E ela me olhou e secou meu rosto.
-Me desculpa pela pressão.. não chora.. não sabia que estava pensando desta forma, me desculpe..
-Agora eu quero te contar tudo!   Falei deixando mais lágrimas caírem.
-calma.. se acalma primeiro.    Sorriu.
-não, tenho que contar tudo logo, não sei quando terei coragem outra vez..      e ela soltou uma pequena risada.
-Nunca nos beijamos. Bom mais ou menos.
E ela riu.-Quando?
Desviei o olhar sem graça. Parecia que ela só esperava que o meu "quase" havia acontecido somente uma vez.
-No aniversário da sua mãe.. no jardim.. quando.. ele foi no meu apartamento.
Ela fazia caretas segurando sua vontade de rir cada vez que contava.
-E quando ele foi naquele feriado lá pra casa com os amigos dele.. pronto falei!
-Nossa!   Riu.
Tentei ri, sequei as lágrimas.
-Ai.. eu..
Gargalhou   -Oque você fez Emi?
-Ai! Eu não sei oque deu em mim, tentei beijar ele mais ele é tão idiota que me fez uma pergunta idiota e eu fui idiota o suficiente para não saber responder por sentir um medo idiota!
Falei agitada sentindo finalmente vontade de rir do meu mico.
Ela riu do que falei. -São muito idiotas.
-Quem? Nós?    Perguntei assustada.
Ela riu. -Que isso! Não.. estou falando de tantos que você colocou em suas explicações.
A olhei torto pela ironia e ri.
E ela disse.   -Prometo que vai ser nosso segredo.. ok? Confia em mim..
Confirmei com a cabeça e a abracei.
Ouvimos.
 -Owwn.. fizeram as pazes?!?          Falou Sandra.
 E Nanda desceu sorrindo. -aii que ótimo!
Elas nos abraçaram e quase caímos.
nos afastando.
-Agora conte! Oque estavam falando?!
Makena me olhou. -Vai contar?
Confirmei sorrindo. Contei a elas o mesmo que contei a Makena. Notei que tinha amigas incríveis ali.
-menina.. e eu ainda prendi os dois!?   Gargalhou Nanda.
-É! E eu vou matar você!     Ri.
Voltando para casa a mãe de Sandra nos deixou na frente de casa saindo do carro avistamos Taylor encostado na porta de sua casa, Olhei tentando parecer mais normal possível.
E despedimos da Sandra e de sua mãe e Makena olhou para trás.
E me olhou. -como você consegue disfarçar tão bem?    Riu.
Olhei para os lados disfarçando para que ele não notasse.
-Esta ficando cada vez mais difícil, acredite...
E ela riu. -Até amanhã..
-Até amanhã..      atravessei a rua.
Fui caminhando em direção a minha casa e o celular tocou.
Parei e atendi.
-Oi..    ouvi sua voz fazendo meu coração acelerar.
-Taylor?    Ri me virando para olha-lo.
Pensei " Disfarça Emili! "
-Você esta bem depois do que houve?
Ri vendo que estavamos perto  mais ao mesmo tempo distante. E ele riu atravesando a rua.
-Estou, minha irmã parece que entendeu oque houve..
Sorri desligando o celular.
-Que bom, meu pai ainda esta meio irritado.. mais.. ele é assim mesmo.   Rimos.
-Fiquei com medo dele.   Ri.
-Não precisa.. ele só tem tamanho, é gente boa.   Sorriu.
-Você esta bem?   Perguntei sem graça tentando disfarçar meu nervosismo.
-estou..    sorriu me olhando nos olhos.
Caramba! Como conseguiria ficar calma com ele me olhando assim?!
Ficamos olhando um para o outro esquecendo de tudo a nossa volta.
E nos despertamos com Adria saindo pela porta.
E me preocupei.
-Emi.. já chegou? Tão cedo.. -Taylor!!      Falou animada indo abraça-lo.
Desviei o olhar para não ve-los se abraçando.
-Iai? Vamos? To afim de ir em um restaurante aqui mesmo no bairro! Ouvi dizer que lá tem um jardim incrível!!
Me lembrei de quando estivemos lá, ele me olhou
Desviei meu olhar para ela. -Ha.. vou entrar gente.. eu estou um pouco cansada..
-Ta!! Boa noite Emi!!    Falou Adria sorridente.
Ela esqueceu que estava chateada comigo? Lembrei doque Trevan havia me dito. Poderia ser somente meus ciúmes então não liguei.
Desviei o olhar tentando sorrir.
-Boa noite..    falei me afastando.
Entrei pela porta e fechei me encostando nela.
Olhei pra cima lamentando sentir aquelas coisas. 
-Estou ferrada..    susurrei.
Respirei fundo e me virei indo até a janela. vi eles conversarem.
-esta fazendo oque Emi?     Falou Trevan fazendo-me pular. -Ai! Que susto!       Sai da janela.
-se tomou susto é porque estava fazendo algo errado.   Riu indo até onde eu estava antes.
Ele olhou. -sai dai! Sai! Sai!   Susurrei puxando ele.
E ele riu.
-Você não sente ciúmes deles ficarem assim quase todos os dias não?
-Porque acha isso?
Falei indo para a sala.
-Há sei la, tipo quando as fãs, escobrem que o ídolo esta saindo com uma garota.. não tem umas que até ameaçam de morte?
Ri sem graça.
-não sou assim, o importante é a garota fazer ele feliz..
-e essa garota não poderia ser você?
Parei o encarando. -Oque é isso? Você? Porque esta dizendo essas coisas, olha, não tente me empurrar esses tipos de assuntos, isso não vai me ajudar a me aproximar dele para ela ficar com você!    Ri.
Ele gargalhou indo até a janela de novo me fazendo ter vontade de olhar também.
-Vem, eu sei que quer ver.   Riu.
Cheguei na janela e peguei o celular e tirei uma foto.
Perguntou.  -para que isso?
-vai para a pagina.
Perguntou preocupado.  -você esta louca?
-é isso que eles querem, não é mesmo? Vou fazer a vontade deles.
 Falei mexendo no celular e enviei direto para as meninas.
Que se dane. Já estava irritada com isso. Terminei de enviar a foto pelo celular.
-caramba! Eles estão voltando Emi! Sai.
Voltei olhar para a janela e eles já estavam na varanda, "Droga!"
Sussurrei.  -ai! Droga e agora?!
Sussurrou tentando sair do lugar.  -ta na cara que eles vão nos ver!!
Ouvimos o som da porta se abrir e nos agarramos para disfarçar.
Trevan e eu estavamos desesperados! Começamos a nos beijar.
Percebemos Adria e Taylor pararem para olhar e continuamos até ouvir uma tosse forçada.
E nos largamos fingindo estar surpresos de ve-los ali.
-Oque é isso?     Perguntou Adria firme nos olhando.
-Um beijo!     Falamos em couro totalmente desengonçados.
Ela encarou Trevan.
-Isso não pareceu somente um.    Falou Taylor irônico.
-teria sido mais se vocês não tivesse chegado.   Falei sarcástica passando no meio deles e me retirando deixando Trevan lá.
Fiz expressão de alívio quando passei por eles e fui direto para o quarto. Quando fechei a porta do quarto e finalmente despertei-me do ciúme
"Que merda que fiz!!"
Bati na minha testa me jogando na cama. Olhei no relógio e já era 20 para meia noite. Depois de alguns minutos Trevan bateu na porta.
 Olhei surper sem graça e não deixei de rir vendo sua cara tão pior que a minha.
-Trevan me desculpa!   Ri
E ele entrou no quarto fechando a porta,
-ok, a culpa também foi minha, me desculpa, fiquei desesperado.
Rimos
-eu também
-po cara! Quando for me beijar é pra fingir, nunca viu beijo tecnico não?
Riu.
-Esta bem me desculpa! Me empolguei vendo o Taylor ali!
-Cuidado.. gostinho da vingancia vicia e cega.
-Não me importo ele merecia ver isto. Bom, não com você por que não tem nada haver..
Ri
-Também acho.   Sorriu.
Ouvimos uma batida na porta e nos ohlhamos estranhando quem seria.
-Trevan? Emi?
Ouvimos a voz de Adria e nos levantamos apressados
-Oi?!
Segurei a maçaneta para abrir e antes de abrir olhei para trás e Trevan havia puxado bastante a gola da camisa.
Sussurrei assustada. -Oque é isso que você fez?
Ele riu. -Agora é minha vez, já te ajudei.
Gargalhei abrindo a porta.
-Oi Adria?
Ela olhou para Trevan atrás de mim e fechou a cara. Olhei para trás rapidamente e voltei a olhar de novo ficando boqueaberta com o que supostamente eu tinha feito.
 Ele era horrível querendo provocar ciúmes, gargalhei vendo sua camisa meio rasgada, nossa! Isso que era desespero!
Gargalhei perdendo as forças enquanto acabava com a cena dele.
Perguntou Adria seria.   -Do que ta rindo?
Tentei parar de rir.
-então, Taylor e eu iremos ir há um restaurante e Asheley e mais alguns amigos estaram lá, Asheley me ligou pedindo para convidar vocês, e ai? Vocês querem ir?
Troquei olhares com Trevan.
Eu não queria ir não, ainda mais depois da crise de ciúmes que passei pagando o maior mico.

GOSTOU? COMENTE SOBRE O CAPITULO!

9 comentários:

  1. Nossa bem que Trevan podia começar namorar a Emi KKKK Só queria saber como Tay ficou com ciúmes aff essa Adria viu, o que a conteceu com ela para ser tão chata? é bom mesmo que Emi faça ciúmes a ela!

    ResponderExcluir
  2. meu deus quero mais logo estou muito curiosa pra saber o que vai acontecer

    ResponderExcluir
  3. Kkkkkkkkkk , continua logo ! Quero saber o que vai acontecer agora q

    ResponderExcluir
  4. Continua.To super curiosa para ler o próximo capítulo.

    ResponderExcluir
  5. Kkkkkkkkkkkkk, esse Trevan é uma graça, esse capitulo ta mt bom, quero saber a reação do Taylor e porque que a Adria faz essas coisas, cara ela é muito egoista. Continua!

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário! A sua opinião sobre as fanfics é muito importante para que os autores continuem escrevendo. Fale sobre o mais gostou, sobre o que espera ler nos capítulos seguintes. Comente sobre seus personagens favoritos e os que mais detesta. Não deixe de comentar, seja mais ativo e evite que as fanfics entrem em hiatos por desmotivação da autora em escrever. Não seja um leitores fantasma. Comente agora mesmo!

DEIXE SEU RECADO!

SITE DE NOTICIAS - TAYLOR LAUTNER MANIA