09 fevereiro 2015

Fanfiction: Your Love Is My Drug, - CAP 18

Your Love is My Drug
Escrita por: Jessica_keli TLM
Capa: @jessica_keli  

Pov Taylor:
Enquanto ficava sabendo que  Lisa descobria Ryan com sua amiga. eu procurei de toda forma não pensar nela. Contei ao meu pai enquanto passava por esses problemas. E foi ele quem me deu o conselho de se afastar totalmente dela. Pra que ela sentisse na pele oque me fez passar. E estava dando certo. Mais eu esta muito mal com isso.
Enquanto eu me arrumava pra sair com a Thais. Meu pai queria conversar.


-Taylor.. nos já sabemos que o meu conselho esta caindo como uma luva. Mais também não é pra tortura a menina! Não é uma boa você usar alguem pra isso.    Disse ele sem  saber que Lisa havia descobrido Ryan e estava sofrendo.
-Não pai. Eu percebi que eu preciso tirar ela da cabeça. .  Coloquei a camiseta completando.  -Ela pode voltar a qualquer momento com aquele idiota. Quem vai sofrer sou eu!. E eu não quero mais.
-Olha... cuidado pra não bater arrependimento em relação a isso.
-Eu estou certo pai.  Olhei pro espelho. -Eu tenho que tirar ela da minha cabeça.
-Ok.. não posso te obrigar a nada. Não diga que eu não te avisei.
Falou ele saindo do meu quarto.

Fui para o encontro eu estava com Lisa na minha cabeça, minha conciencia me atormentava. Resolvi beber. Diziam que isso funcionava pra esquecer os problemas e era isso que eu precisava. E funcionou. E pra sair e me sentir tranquilo só uma bebida me acalmava.
No outro encontro pedi uma bebida mais forte..E Thais me olhou torto.
-De novo Taylor? Toda vez você pedi essas bebidas agora?
sorri.  -Relaxa, vamos nos divertir.
E ela riu me olhando maliciosa. -Assim eu espero..
E ela me deu um selinho.
eu não me lembrava muito das coisas que haviam acontecido naquela noite ,mais sei que algo me fez me esquecer de quem eu era, por que fiz coisas que em minha mente ainda estavam confusas. E não foi só beijos com Thais naquela noite.
Eu acordei no outro dia super mal vendo Thais deitada do meu lado completamente nua. Olhei me assustando. Estavamos em um hotel. Me assustei com tudo tentando lembrar oque eu havia feito.
Eu nunca tinha ficado tão mal..sentei na beira da cama pensativo. Lisa se soubesse disto ficaria mais mal do que estava e meu pai tinha razão, eu não podia usar alguem assim.
Tentei terminar com Thais. Ela era uma garota legal, não merecia isso. Mais ela não aceitou bem. Eu tinha que deixar tudo esclarecido.
Depois de ouvir finalmente Cameron falar sobre outro assunto. Estranhei mais permiti.
-Cara, na boa. Vc é meu brother. E eu to dizendo. Meu irmão a Lisa ta muito mal com isso. Vai la. Fala com ela..naquele dia na pista de skate ela estava mostrando muito arrependimento.
-Eu sei.. eu percebi. Mais ela só quer o amigo dela de volta Cam.
-Não.. eu acho que não. Pelo que eu sei.. eu acho que não..
Disse ele me deixando pensativo.
Eu estava a noite lendo um livro na escrevaninha tentando manter a cabeça ocupada. E ouvi um ruido perto da janela. LISA colocava seus pés dentro do quarto.
Eu fiquei surpreso. era eu Quem costumava a fazer isso. Então eu assumiria sua posição. A ideia era fazer ela se sentir como eu. Não é mesmo?
eu fiz. E eu me amarrei.
Mais tudo mudou quando ouvi sair um te amo da sua boca. Coisa que ela nunca havia dito. Então pensei que já era a hora de parar. ela entendeu tudo errado. E eu não iria até lá em baixo mais uma vez correr atras dela. Não liguei..se fosse da vontade de Deus eu teria outra oportunidade.
Chegando na escola. Mais outra surpresa. Thais e Lisa haviam brigado. Eu queria saber por ela o motivo. Mais eu havia mee enganado era Thais quem estava querendo encrenca por mim. Eu estava louco pra esclarecer as coisas mais eu não faria como antes. Eu teria que ter o freio nos sentimentos,n ão deixaria mais transparecer sem um bom motivo.

Naquele mesmo dia voltando pra Casa recebi uma ligação do Cameron pedindo que eu fosse a casa da Laryssa urgente e cheguei as pressas.

-Oque foi?     Perguntei vendo eles preocupados na sala de baixo.
-Lisa teve problemas com Ryan.
Falou Laryssa seria sentando no sofa.
-estou indo, me chamaram pra isso?
-Taylor, agora é muito serio.    Falou Michael me preocupando.
-Ele falou que acabaria com quem tentasse ficar com ela.
-oque?    Perguntei preocupado.
-Taylor.. você tem noção do perigo que ela corre?
indaguei. E der repente o valor que Lisa tinha pra mim ficou mais forte.
-Eu não sei oque fazer..    disse Monica. E completou olhando pra eles.  -Contra pra ele gente.

Todo mundo respirou fundo.
Cameron deu um passo a frente.
-Ele ficou a encarando, quando ela entrou no carro eu falei pra ele ficar longe dela. E ele parecia muito certo do que queria. falou que se fosse necessario acabar com a vida dela ele faria. Mais não aceitaria ela com ninguem. Ninguem.   Disse ele serio
Fiquei em choque querendo acabar com aquele filho da puta!.
-Ela precisa de você agora, ela precisa do seu apoio,  mesmo que não queira aceitar. Mostra que pode dar apoio se ela quiser..   disse Laryssa.
-cadê ela?    Perguntei nervoso.
-Esta lá em cima falando no telefone..
Pensei por um minuto olhando as escadas. Não dava mais, eu tinha que estar com ela.. a proteger..
Subi as escadas pensativo. Chegando nos ultimos degraus.
-Quer ajuda?    Disse Monica parecendo animada. Olhei pra baixo e todos estavam agora em pés rindo baixinho.
-como seria essa ajuda? Perguntei parado na escada?
-quer ou não quer a ajuda das meninas?    Disse Michael.
-Ta.. pode ser..   e elas pularam rindo.
Eu subi as escadas calmo.  Dei passos leves ate aquela pequena sala. E ouvi ela conversar então fiquei encostado esperando ela terminar.
-É.. eu vou querer saber.    Disse ela assim que eu me encostei.
Ela esperou alguem do outro lado da linha falar. E percebi que era sua mãe.
Ela estava de frente para a parede.
-Ele não sabe mãe.. ele não se importa mais..
Ela ficou em silencio ouvindo.
-Ele nem quer saber de mim mãe. Ele disse na minha cara que cansou de mim.
Fiquei surpreso ao ver que ela falava de mim.
-Como vou fazer isso mãe? Todos os meus amigos me lembram ele. Eu conheci atraves dele. Eu.. to com tanta raiva de pensar nele.   Falou com a voz tremula.
 Ela parecia ficar nervosa. Então me preocupei.
-Lisa?  
-Mãe, vou precisar desligar.

Eu não resisti ficar longe dela. Eu tinha que dar apoio. Eu ja sabia que ela me amava. Porque ela ja tinha me dito. E fingi não me comover. Mais era maior motivo de ficar tão perturbado por estar longe dela. Eu não ia sair daquela casa sem estar bem com ela. Descendo as escadas percebi que a ajuda delas eram um tanto coisa de garotas malucas.

Mais não foi tão ruim. Porque havia fucionado. Quando estavamos dormindo na sala. Ouvi risadas baixinhas e abri os olhos os pouco a pouco. Olhei para Lisa sobre meu ombro. E olhei para a direção das pequenas risadas. E um som. "OH.."
Lisa abriu os olhos rindo sem graça.
-Acho que deu certo hem.    Disse Laryssa. E eles riram alto
 levantamos e depois de horas estavamos jogando video game e comendo pizza. e ouvimos uma batida na porta. 00:40
-Ué quem pode ser?    Disse Laryssa enquanto Michael abria a porta. E Thais correu até a sala.
-Taylor você não pode fazer isso comigo!!
eu levantei confuso.
-Eu já esclareci as coisas com você. Porque veio aqui?
-Taylor você não pode me deixar agora!
-Filha! Ele pode sim!    Disse Laryssa estalando os dedos.
-Não! ele não pode!     Gritou ela olhando pra Laryssa.
LISA entrou na sala com refrigerante nas mãos  totalmente apavorada com a gritaria de Thais.
Ela olhou pra Lisa. -Foi por sua causa sua piranha!
disse ela em direção de Lisa e monica empurrou ela. -Na minha amiga você não toca querida!
e ela caiu no chão. -Se acalma depois agente conversa Thais..   tentei acalma-la.
Ela se levantou colocando as mãos na barriga.
-Você não pode me deixar agora! Eu preciso do seu apoio.. eu.. eu..
-Oque ta acontecendo Taylor? Do que ela esta falando? Perguntou Lisa  com os olhos no gesto que Thais fazia. E me olhou..minha cabeça rodou.
Olhei e todos estavam chocados. Olhei pra barriga dela e ela pronunciou nervosa. -Eu estou gravida de um filho seu!
fiquei em choque.
-Oque?   Sussurrei desacreditado.

4 comentários:

Deixe seu comentário! A sua opinião sobre as fanfics é muito importante para que os autores continuem escrevendo. Fale sobre o mais gostou, sobre o que espera ler nos capítulos seguintes. Comente sobre seus personagens favoritos e os que mais detesta. Não deixe de comentar, seja mais ativo e evite que as fanfics entrem em hiatos por desmotivação da autora em escrever. Não seja um leitores fantasma. Comente agora mesmo!

DEIXE SEU RECADO!

SITE DE NOTICIAS - TAYLOR LAUTNER MANIA