05 maio 2015

Fanfiction: A filha do chefe – Cap. 35-A hora da verdade


Quando cheguei na casa por volta do meio-dia me surpreendi,nada havia mudado na casa havia uma melhora aqui outra ali mais tudo estava muito bem cuidado e como eu sabia que a companhia estava dando lucros recuperando os status de antes então Taylor estava cuidando muito bem de minha mãe sem deixar que nada chegasse a faltar.

_Mãe estou com fome! -Vitor começou a reclamar ainda em francês.

_Tudo bem filho, aguente mais um pouquinho tá!. - ajoelhei ao lado dele pra ajeitar a sua roupa. -Agora lembre o que a mamãe disse fale português ou ninguém vai te entender ok! -ele sinalizou que sim com a cabeça e eu dei um beijo no alto de sua cabeça e levantei.

 _Aqui é a casa da vovó? - Vitor perguntou olhando a casa 2x maior que a nossa casa de Paris.

_É!.E a gente vai morar aqui g... -antes que eu terminasse a frase minha mãe abriu a porta.

_FILHA!-levantei e a abracei.

_Filha você andou bebendo?

-Um pouco no avião! -ela então olhou pra Vitor enroscado na minha perna.

-Esse garotão lindo aqui deve ser o meu neto?

-Sim esse é Vitor,seu neto - peguei Vitor no colo. -filho diz oi pra vovó! -ele enterrou o rosto no meu ombro - com vergonha-  entrei forçando a passagem dizendo. _Tem comida ai estamos morrendo de fome né filho? comida de avião não enche a barriga de ninguém não!

_Claro mais antes deixa eu dar um beijo nessa coisa fofa! -minha mãe se aproximou da gente e praticamente arrancou meu filho do meus braços  e completou. _Vou pedir a Ângela que traga alguma coisa pra vocês comerem!

_Angela!.quem é Angela?

_A empregada!.

_E desde quando você tem empregada? papai vivia insistindo pra temos uma mais você dizia que não queria estranhos mexendo na suas coisas.

_Agora é diferente filha...-ela disse botando Vitor no chão e chamando a empregada, completando. _Sem você e seu pai aqui e a empresa indo bem Taylor achou que eu precisava de companhia durante o dia,além do mais já estou velha não consigo dar conta de tudo sozinha!

_Que isso dona Sarah você ainda está muita nova e depois preciso de sua ajuda pra cuidar dessa criatura bagunceira! -corri pra tirar algo que Vitor pegou na mesinha de centro dela. -Isso aqui é um terror! -completei rindo, tentei segurar o máximo que pude mais não aguentei e perguntei. _Por falar em Taylor aonde ele está a s.rª não disse que ele e bia vive mais aqui que na casa deles?

_Ele está trabalhando e Bia na escola,eles só vem a noite!. - tinha medo de saber mais sobre ele então me calei. Angela era muito simpática,fez um lanche delicioso pra mim e pro meu filho,minha mãe contou toda as novidades,aquelas que ela não conseguia contar por telefone eu também contei as minhas.Vitor se adaptou bem ao português,as vezes eu tinha que ajudá-lo, e a casa também,já corria a casa como um doido.


Já era noite e eu dava banho em Vitor com a ajuda dela quando minha mãe puxou conversar.

_Ele se parece muito com alguém que eu conheço.Quem é o pai desse garoto Elena?

_Como assim! Eu já disse mãe,um carinha que eu conheci numa festa da agencia!.Tá esquecendo as coisas D. Sarah? -rezei pra que ela tivesse acreditado.

_Não. é que você nunca me disse o nome dele.

_Porquê isso agora? a gente já conversou sobre isso

_Não foi nada. -mais ela não era boba e estava visilmente intrigada com as semelhanças do garoto com Taylor, mas ficou quieta me observando vesti-lo.

'Eu sabia que  minha mãe era esperta será que ele vai ser tão esperto assim e reconhecer as semelhanças' – pensei já ficando nervosa de novo.A empregada bateu na porta avisando que Taylor havia chegado,o meu coração quase parou.

_Mãe pode levar o Vitor lá pra baixo ainda tenho que tomar banho e me arrumar e com ele aqui é impossível? -Por um lado queria,desejava que ele soubesse de Vitor mais tinha medo pois não achava justo ele merecia ser feliz mesmo ao lado de outra.Sarah assentiu e saiu de mãos dadas com o meu filho.

O medo me paralisava mas a ansiedade de revê-los e a curiosidade de conhecer a mulher que agora ocupava o meu lugar no coração e na cama dele era grande.Quando eu cheguei no topo da escada passei meus olhos por toda a sala mas não achei o que procurava,desci os degraus sem que ninguém notasse,bia,Taylor e Sarah estavam invertidos com Vitor em outro ambiente então fui a procura deles seguindo o som das risadas e quando achei disse rindo da cena.

_Você está como gosta né filho? Ele adora quando todas as atenções são voltadas pra ele.

_Tal mãe tal filho você quando pequena também adorava! -minha mãe disse rindo ainda brincando com Vitor e Bia no chão-alias estavam todos sentados no chão.

Beatriz logo levantou e veio me abraçar.

_Oi Ma chárrie!(se fala monjerrir,querida em francês). -eu a abracei lhe dando um beijo na testa._Como você cresceu! -logo foi a vez dele vim em minha direção o frio já esperado tomando conta do meu estômago. -Oi Taylor!

_Oi Elena como você está?     

_Tô bem.

Era possivel alguém continuar tão lindo ou até mais ?Era. E Tay era a prova disso Vitor me tirou de meu devaneio pulando em meu colo e cochichando algo em meu ouvido que o fez cai na gargalhada.Angela serviu o jantar sentei vitor ao meu lado com Tay e Bia na nossa frente e minha mãe numa das cabeceira da mesa,como uma família de verdade .O que eramos de fato.

-Tia Elena ele come sozinho? -beatriz perguntou ao vê Vitor pegar o garfo da minha mão.

-As vezes eu deixo ele se virar sozinho.

-Mais pode ser perigoso uma criança desse tamanho com uma faca na mão! -Taylor disse vendo Vitor pegando uma faca.

-Pois é. -fui tentar tirar a faca da mão dele e ele começou a reclamar,só que em francês.

-A mamãe já disse que não e você tem que falar português!

-Mais eu não quero falar português!

-Então tá come ... mas se lembra do que eu ti prometi -falei e ele olhou pra mim e eu entendi que ele tinha entendido então completei me abaixando até seu ouvido e sussurrando. -se você se recusar a falar direito a mamãe não vai cumpri a parte dela no acordo! -ele olhou pra franzui a testa e eu ri e nós dois volamos a comer.

Minha mãe olhou pra mim com um certo tipo de endimento no olhar.

O jantar seguiu como começou ora calmo ora com conversas acalouradas de alguém com alguém.Mais tarde passamos pra outra sala me sentando no sofá com Taylor ao meu lado.

-Vocês dois são sempre assim? -Tay perguntou rindo.

-Não de vez enquando eu deixo ele ganhar  também! -respondi vendo ele abri aquele sorriso mágico.

-Isso me lembra... -eu o interrompi nervosa mordendo os lábios e fiz a pergunta que me atormentava desde do dia que soube que iria voltar.

 _Soube que estava noivo onde ela está,a futura ou a  Srª Lautner?

_Não existe uma Srª Lautner infelizmente,não deu certo!. -ele me disse calmo e eu respirei aliviada.

_Lamento em saber! Mais o quê aconteceu? -dei uma espiada em bia e Vitor que brincavam em outro cômodo.

_Ela até era legal a bia até gostava dela,mas ela era muito igual a mim,aceitava tudo que eu dizia sem questionar!. -abaixei a cabeça e ri senti Taylor ri também. _E você existe um Srº Formam por ai?

_Ah Não! meu trabalho e meu filho me toma todo o tempo. -começamos a conversar sob tudo o que tinha acontecido nesse 3 anos (quase tudo).Havia um certo tipo de constrangimento -mais por parte minha-eu não conseguia parar de pensar que agora seria uma ótima oportunidade pra revelar a ele tudo já que não tinha mais nada que me impedia,ia falar já tinha até aberto a boca mas minha mãe entrou na sala com Vitor no colo.Acho que ela me salvou de uma porque eu não tinha ideia de como começa.


-Filha acho que Vitor precisa de outro banho! -tava muito calor e ele estava todo suado fora a roupa toda suja de comida comecei a me levantar mais minha mãe me recriminou. -Não agora é a minha vez de dá banho nele e depois acho que você e o Taylor tem muito o que conversarem ...-ela piscou pra mim e se virou comecando a subir as escadas com Vitor no colo e Bia pela mão. -...aproveito e ponho os dois pra dormir parece que a conversa vai ser longaaa! -cantarolou.

4 comentários:

Deixe seu comentário! A sua opinião sobre as fanfics é muito importante para que os autores continuem escrevendo. Fale sobre o mais gostou, sobre o que espera ler nos capítulos seguintes. Comente sobre seus personagens favoritos e os que mais detesta. Não deixe de comentar, seja mais ativo e evite que as fanfics entrem em hiatos por desmotivação da autora em escrever. Não seja um leitores fantasma. Comente agora mesmo!

DEIXE SEU RECADO!

SITE DE NOTICIAS - TAYLOR LAUTNER MANIA