03 junho 2015

Fanfic: Twinight – Cap. 15. O grande dia


Passaram- se alguns dias. Meu namoro estava ótimo. Eu e Jake nos víamos quase todos os dias. Minha mãe que já sabia o que tinha acontecido, então sempre dava um jeito de nos interromper e também passou a frequentar mais o meu quarto. Típico de mãe de filha única. O que nos salvava era o namoro dela com Charlie. Ela dormia lá na casa dele e eu e Jake tínhamos o nosso momento... Sozinhos...


Agora era tudo muito normal. Tomávamos banho juntos. Trocávamos de roupa um na frente do outro. A vergonha tinha sumido. 

Era um sábado. Minha mãe pra variar tinha ido ver Charlie e Jake estava comigo em meu quarto.

- Jen... Porque você está assim? Pensativa? - Jake perguntou preocupado.

- Estou preocupada com a Bells... Disseram que ela está doente, por isso não voltaram ainda da lua de mel... Você acha que é verdade Jake?

- Sinceramente... Acho tudo uma grande mentira... Alguma coisa está acontecendo... Não quis te falar nada pra não te deixar mais preocupada.

- Jake! Não quero que me poupe das coisas. Quero que me conte tudo... Bella é minha melhor amiga!

Decidimos ir até a casa dos Cullen... Contra a vontade de Jake, claro, mas ele não deixou eu ir sozinha.

Carlisle abriu a porta. E só com o olhar ele me mandou entrar. Eu sabia! Algo estava acontecendo.

- Jen? - ouvi a voz fraca de Bella.

- Bells!! - corri para abraçá-la. Ela estava deitada no sofá. 

- Bom ver vocês dois juntos. - ela dizia.

Jake estava atrás de mim. Foi quando vimos a barriga dela. Grávida.

Passou um tempo... Bella teve o bebê. Renesmee. Linda! A mistura dos dois. Com essa filha, Bella ganhou a eternidade. Uma vampira linda, forte, confiante, mas no fundo a Bella de sempre.

Eu as visitava sempre que podia. Adoro crianças, então eu ia lá para ver Renesmee. A cada dia crescia mais, cada dia mais esperta. 

Meu aniversário estava chegando. Minha mãe queria fazer uma festa. Eu não queria.  Nunca gostei de bolo, parabéns, nada disso. Queria mesmo comemorar com Jake, mas ele era do time da minha mãe. Adorava uma festa.

- Jake... Não quero festa... Por favor!

- Nem pensar Jen… Todos já foram convidados... - ele dizia enquanto riscava os nomes dos convidados da lista. 

Eu não tinha o que fazer sobre isso. Já estava tudo pronto e decidido.

*** POV Jacob ***

Tinha acabado de sair da casa da Jen. Enquanto estava estacionando o carro, na porta de casa, avistei Sam. Ele parecia preocupado.

- Oi Sam! O que houve? - fui me aproximando.

- Jacob, algo está acontecendo com os Cullen. Não sei explicar direito, mas um deles me encontrou na fronteira e deixou um bilhete de despedida. Parece que um clã chamado Volturi está envolvido.

Eu gelei quando ouvi esse nome. O que eles queriam afinal? Problemas a vista.

Fui direto para a casa dos Cullen. Precisava tirar isso a limpo e saber se tínhamos que ajudar.

- Sua ajuda é bem vinda Jacob. A sua e do seu time. - disse Edward. 

Estavam a caminho e por causa da Renesmee. Bom, eu não queria saber os motivos, a única razão de lutar ao lado deles era proteger Forks e é claro, a Jen. Não poderia deixar que nada acontecesse com ela. Eu não me perdoaria.

Alguns dias depois a Jen já sabia. Eu tinha que contar. Assim ela ajudaria a despistar a sua mãe, Charlie e quem mais precisasse. Ela só não sabia que ela também teria que sair da cidade. Isso eu deixei pra falar depois, senão teríamos uma resistência... E das bravas!

O aniversário dela era no dia seguinte. E eu sabendo de todo o risco que corríamos, resolvi lhe fazer uma baita surpresa. Poderia ser nossos últimos dias juntos e só de pensar nisso eu ficava arrepiado e meu estômago embrulhava.

Fui até Portland para comprar o presente. Depois corri para a casa dela aproveitar o máximo, pois poderiam ser nossos últimos momentos...

*** POV Jennifer ***

- Oi amor... - Jake chegava em minha casa.

- Oi linda… 

- Onde estava? Te liguei e não atendeu... - eu disse preocupada.

- Estava por aí... Na floresta... Sem o celular... Você sabe... 

- Ah sim, claro... 

Jake adorava fazer esses passeios pela floresta, mas não na forma humana.

Minha mãe tinha ido na casa de Charlie... Pra variar.

- Jake, vamos assistir um filme? Escolhe um... - eu disse lhe mostrando algumas opções.

- Na verdade... Acho que quero fazer uma coisa bem melhor... 

Ele me olhou maliciosamente.

- Ah... Sei... Claro... - eu dei um sorriso largo e levantei, o peguei pela mão e o puxei até o meu quarto.

Fizemos amor como a primeira vez. Jake estava diferente, nervoso, ansioso por cada toque, cada momento. Eu adorei. Me senti a mulher mais desejada do mundo.

Enquanto descansávamos em minha cama Jake disse o que não queria ouvir:

- Jen... Preciso te falar uma coisa... - ele se virou para ficar de frente pra mim.

- O que? 

- Não é só sua mãe e Charlie que irão viajar depois de amanhã. - ele disse apreensivo.

- Como assim? Não entendo... - disse assustada.

- Jen... Não posso deixar você aqui em Forks... Eu agora entendo o real perigo da situação. Os Cullen me avisaram e... 

- Jake! - eu o interrompi. - Como vou sair daqui? Como vou deixar você? Imagina! De jeito nenhum!

- Jen, você não tem escolha! A sua passagem também está comprada! - eu gritei.

- Ahhh por isso que você está assim... Parece que seria a última vez né... E talvez seja... Meu Deus... - meu coração quase saiu pela boca.

- Jen, calma! Não vai ser nossa última vez ok? Confia em mim...

Ele tentava me acalmar, mas no fundo eu sabia o risco que todos estavam correndo. Perderia minha amiga e o meu amor. Meus olhos já estavam lacrimejados. Mais um pouco e eu desmaiaria de tanta angústia.

- Jen, quero que faça exatamente o que te pedir ok? Vou te dar todas as instruções para essa viagem e.... - ele parou de falar, parecia que tinha um nó na garganta.

- ...instruções para caso os Cullen sumirem do mapa... E os lobos também... 

Eu o abracei, como se fosse a última vez. Por que isso tinha que acontecer? Logo agora que estávamos felizes... Nos amando... Pela primeira vez eu estava realmente feliz e triste ao mesmo tempo.

*** POV Jacob ***

Já era o dia dela. Saí pela janela ainda de madrugada, pois tínhamos certeza que a mãe dela estaria bem cedo no quarto para desejar parabéns. Foi uma das nossas melhores noites. Incrível como nos dávamos bem... Em todos os sentidos. Estava realmente feliz e com um aperto no coração.

A noite chegou. Cheguei na casa dela... Ela estava linda... Como sempre... 

- Parabéns meu amor... Eu te desejo mais do que felicidade... Te desejo um infinito de coisas boas... Eu te amo... - eu a abracei.

- Ahh lindo... Eu já tenho o melhor presente... Eu também te amo... - ela disse e nos beijamos.

- Rrramm rrraamm - Seth pigarreou para nos separar. - Com licença... Quero falar parabéns também! Posso?

Estavam presentes na festa além de sua mãe, claro, Charlie, todos os Cullen incluindo a Bella, meu pai, Sam, Emily, Leah, Seth, Embry e a namorada, Quill, Paul... Todos reunidos. Cada um que chegava ela ficava mais encabulada. Nunca vi odiar tanto aniversário.

Eu estava nervoso, ansioso para lhe dar o presente. Depois que todos comeram e beberam era a hora dos parabéns. Antes disso eu chamei a atenção de todos. Edward me olhava com um sorriso no canto da boca. Ele estava lendo meus pensamentos com certeza... Idiota... Eu acabei sorrindo também. 

- Pessoal! - eu batia na taça de Champagne para chamar atenção. - Eu gostaria de ter a atenção de todos. 

Jen me olhava sem entender. E já estava ficando roxa de tanta vergonha.

- Ahm... Hoje é um dia muito especial. Muito mais especial pra mim do que pra Jen. Há 19 anos eu ganhei o meu maior presente. Um presente maravilhoso, especial, sincero, lindo... 

Todos murmuravam e Jen parecia que a qualquer momento ia desmaiar. Seus olhos estavam lacrimejados.

- E é por esse motivo... - continuei. - que hoje a aniversariante vai ganhar dois presentes...

Todos falavam "uaaaauuu", enquanto Jen me olhava incrédula. Eu tinha escondido bem esse segredinho.

- Que entre o primeiro presente...

Todos olhavam para a porta. 

- Paaaaaiiii!!! - Jen gritou e foi correndo abraçar seu pai. 

- Filha.... Parabéns! 

Todos se emocionaram. 

- Jake.... - ela veio até mim e me beijou. - obrigada! Obrigada!

- Mãe! Você também participou dessa né? Me enganaram! Não sabia de nada pai! Não desconfiei de nada! - Ela disse emocionada.

Depois que os ânimos de acalmaram eu nem precisei anunciar o segundo presente.

- Hey hey pessoal, agora quero meu segundo presente... Ou eu ouvi errado? - Jen disse brincalhona.

- Não... Você não ouviu errado. - eu disse.

Nesse momento coloquei a mão no bolso e tirei a caixinha. 

- Sr. e Sra. Page... Quero aproveitar o momento para pedir a mão da Jen em casamento... - eu dizia enquanto o silêncio pairou na festa. Os pais de Jen não tinham expressão, na verdade nem a própria Jen tinha.

- Jacob, tem minha total permissão... - disse a Sra.Page.

- A minha também... Afinal, se não fosse você não estaria aqui nesse momento especial para minha filha. - disse o pai dela.

Olhei para Jen e continuei:

- Jennifer Page aceita se casar comigo?

Ela respondeu sem pensar:

- Você tem alguma dúvida? Claro que sim! - e pulou em meus braços.

Todos aplaudiram. Eu com certeza lembraria daquele dia, pra sempre.

Um comentário:

Deixe seu comentário! A sua opinião sobre as fanfics é muito importante para que os autores continuem escrevendo. Fale sobre o mais gostou, sobre o que espera ler nos capítulos seguintes. Comente sobre seus personagens favoritos e os que mais detesta. Não deixe de comentar, seja mais ativo e evite que as fanfics entrem em hiatos por desmotivação da autora em escrever. Não seja um leitores fantasma. Comente agora mesmo!

DEIXE SEU RECADO!

SITE DE NOTICIAS - TAYLOR LAUTNER MANIA