05 junho 2015

Fanfiction: I know is forever – Cap. 10 - From here two days!!!


Capa: BTW - Texto/Fic: Jessica Fraga – Beta: @ValzinhaBarreto

Notas da Autora
Oi galera!!!! Estou muito triste pelos poucos comentários que deu no último capítulo. Se vocês não comentam, eu não sei se gostaram, qual palpite para a continuação, se quer que continue, eu fico em duvida, vocês visualizam, mas não comentam e isso me deixa triste. Nesse capítulo quero diferente, espero que tenha comentários.

─ Que tal uma proposta? – perguntou receoso.

─ Depende do tipo de proposta ­ disse me virando para ele e ficando de costas para a porta.

─ É bem simples eu sei, que só aceitou casar comigo pela sua empregada que tem uma filha doente e ela não teria como pagar o tratamento da filha. E pela sua família que precisa.

─ Até agora não disse nenhuma novidade – disse simples.

─ Só que eu falei algo de imensa importância, se não houver casamento também não haverá tratamento nem dinheiro – disse, ele tinha um bom argumento.

─ Até agora não ouvi a sua proposta.

─ Calma, case comigo eu preciso de uma esposa e você de dinheiro para a sua família. Os dois saem ganhando no final de tudo e teremos uma vida de casal só na frente da sociedade, entre nós dois não terá nada. Claro que se você pedir ou implorar com essa sua linda voz eu não vou reclamar – disse malicioso.
─­ Péssima ideia – Falei sabendo que teria que aceitar, pois não tinha outra opção.

─ Ah, eu sei que não tem escolha então pare de bancar a difícil e aceita o obvio, eu e você Sr. e Sra. Somerhalder.

─ Muito convencido, o pior é saber que está certo em tudo que disse. Não posso deixar ela sem tratamento, me partiria o coração. Como não tenho opção, como será esse casal só em frente a sociedade?

─ Só por meio de palavras, nada de toque, claro que se você pedir com jeito eu posso pensar no seu caso – disse ele.

─ Eu não vou pedir. Se quiser espere deitado – disse séria.

Veremos. Ninguém resiste, pense em como é sortuda por ter um homem como eu ao seu lado – disse ele sorridente.

─ Pode ter certeza que não tem nada de mais nesse corpinho e se eu sou sortuda por ter um mentiroso ao meu lado imagina se eu não fosse sortuda. – Falei dura.

─ Lily, eu já te expliquei, sei como deve ser difícil. Agora me vejo em seu lugar, um monte de mulheres tentou me enganar e eu comecei a nossa história te enganando. – disse ele meio triste.

─ Que bom, que sabe como devo estar me sentindo. E já deve saber que a nossa amizade acabou – falei simples.

─ Pelo menos amigos, nós vamos casar – disse ele.

─ Eu sei que vamos casar e isso não muda nada – suspirei – queria tanto te perdoar. – Revelei.
─ Então me perdoa – suplicou ele.

─ Não posso, é difícil saber que a única pessoa que eu confiei para falar sobre um dos momentos complicados da minha vida e o que você fez? Mentiu pra mim e eu avisei que não suporto mentira – Falei triste.

─ Mil desculpas – Disse ele, mas o interrompi.

─ Não posso mais confiar, não vou saber quando vai dizer a verdade e quando a mentira. Confiança é algo que se conquista e a minha você perdeu.

─ Eu posso conquistá­la de novo eu sei que consigo – disse convicto.

─ Só não se iluda, tentar é uma coisa, conseguir é outra completamente diferente.

─ Então quer disser que você vai deixar tentar? – perguntou eufórico.

─ Eu não posso te impedir de tentar – disse e ele pareceu triste com a minha resposta.

─ Você não vai se arrepender – ele disse com um sorriso lindo.

─ Isso eu já não sei – falei meio receosa sobre ele me fazer sofre de novo.

─ Pelo menos nós estamos tentando, já é um começo para o nosso casamento – disse parecendo feliz.

─ Nisso eu devo concordar – disse sorrindo – acho que nós entendemos.

─ Sim, e fico muito feliz por saber disso. De saber que eu posso ter uma chance.

 Você tem uma chance, a chance de me provar o contrário do que eu penso sobre você. Por favor, eu só peço que não me decepcione de novo.

─ Isso nunca.

─ Fico feliz em saber disso – falei dando um sorriso verdadeiro.

Eu sabia que tinha dito que não suportava mentiras, só que eu não conseguia ficar longe dele. Dei essa chance e esperei que ele aproveitasse, claro que não ia ser fácil se tivesse mais mentiras, eu não queria isso para minha vida.

Eu dei a chance. O resto ele mesmo tinha que fazer. Fiquei pensando em como ele ia conseguir me conquistar de novo. Uma coisa eu podia dizer, eu estava fiquei feliz por ele ser o meu noivo, uma felicidade que não era esperada para quando o conhecesse.

─ Agora que demos um pouco de paz a nossa relação.  Eu gostaria de saber se estamos resolvidos com o acordo para o casamento? Vamos casar?– perguntou ele.

─ Está tudo certo, nós sendo amigos será, mais fácil... – quando iria falar um pouco, ele me interrompeu.

─ E só uma coisinha, que devo acrescentar agora que a proposta está sendo aceita ­ disse ele.

─ E o que coisinha séria essa? – perguntei interessada.

─ O casamento não será mais naquela data – Disse ele.

─ Ótimo, terei um pouco mais de tempo como solteira.
─ Desde quando o casamento foi adiado? – perguntei meio confusa por só ter recebido essa notícia agora.

─ Hoje antes de eu vir para essa sala ­ explicou ele.

─ E já foi marcada uma nova data? – perguntei não sabendo o que queria ouvir.

─ Sim – disse com um belo sorriso.

─ E para quando foi marcada? – Perguntei nervosa, por já ter sido marcado a nova data tão rápido.

─ Daqui há dois dias.

2 comentários:

Deixe seu comentário! A sua opinião sobre as fanfics é muito importante para que os autores continuem escrevendo. Fale sobre o mais gostou, sobre o que espera ler nos capítulos seguintes. Comente sobre seus personagens favoritos e os que mais detesta. Não deixe de comentar, seja mais ativo e evite que as fanfics entrem em hiatos por desmotivação da autora em escrever. Não seja um leitores fantasma. Comente agora mesmo!

DEIXE SEU RECADO!

SITE DE NOTICIAS - TAYLOR LAUTNER MANIA