27 janeiro 2016

Fanfiction: Diário de Uma Paixão - Capítulo 22







Fiquei com uma angustia no coração quando ele se foi. Porque será? Bobagem! 

Nunca fui de sentir nada, então não seria agora que sentiria algo estranho.

As oito da manhã tomei um banho para acordar! Estava morta de sono. Acordei pensando nele, claro, e em como nossa noite tinha sido boa. Fez-me lembrar de quando namorava… acho que estava sentindo falta disso.


Também lembrei de Rose e de como ela me mataria se soubesse que me apaixonei por ele. Bom, não ia contar nada a ela até que as coisas ficassem mais sérias entre nós… 

Ops! Sérias?? Ele não tem cara de querer algo sério com alguém, mas quem sabe…

As nove em ponto íamos para o último dia de entrevistas e fotos. Voltaríamos para Los Angeles na madrugada.

Achei estranho não receber nenhuma mensagem dele, mas ok. James estava estranho comigo e mais estranho ainda era não ver Taylor nem Tarik no café da manhã.

-James, onde estão Tarik e Taylor? – perguntei.

-Porque quer saber?

Eu o olhei espantada. Porque ele tinha sido tão grosso?

- Só quis saber…

- Eles vão depois - respondeu.

Alguma coisa estava acontecendo.

-Bom dia! – disse Christian chegando em nossa mesa.

-Bom dia! – respondemos.

-Vou tomar café da manhã com vocês  – Meu estômago revirou quando disse isso.

-Você é muito bem aceito Christian - disse James e ele sorriu

-O mais importante é ser aceito pela Caroline…

Que coisa chata! Ele me sufocava! 

Bom, aproveitei que os dois não paravam de falar para mandar uma mensagem a Taylor.


CAROL: OI! ESTAMOS NO CAFÉ…


Mais de quinze minutos e ele não respondeu. Deixei o celular na bolsa e fiquei com o pensamento nele. Christian e James falavam e eu ficava sorrindo para disfarçar, mas não prestei atenção em uma palavra…

Resolvi mandar outra mensagem:

CAROL: EI! SUMIU?

E finalmente tive uma resposta:

TAYLOR: JÁ TOMAMOS CAFÉ. NÃO POSSO FALAR AGORA

Que estranho! Senti que algo estava errado, mas não tinha para quem perguntar.



***


Chegamos no mesmo lugar da coletiva de imprensa anterior. Fomos para a sala e lá estavam eles, Tarik e Taylor. Eu imediatamente sorri quando o vi e ele sorriu meio torto.

-Tudo bem? – perguntei.

-Tudo - respondeu seco.

Não continuei a falar, afinal não estávamos sozinhos. Resolvi mandar uma mensagem:

CAROL: O QUE ESTÁ ACONTECENDO?

Taylor olhou para o celular, olhou para mim e o guardou no bolso. Com isso, também guardei o meu na bolsa e não falei mais com ele.

Passamos o dia tirando fotos, dando entrevistas, mas sem trocar uma palavra. Será que ele não gostou da nossa noite? Será que ele queria ter transado e mentiu quando disse que a noite tinha sido “legal”?? 

Legal não é bem uma palavra animadora, mas pareceu sincero. Fiquei com o coração apertado e curiosa para saber o que tinha acontecido, mas lembrando das palavras de Rose não valia a pena perguntar mais. Foi só sexo, para ele…




***



Voltamos para LA na madrugada. De Manila até a minha casa em Santa Mônica eu não falei com ele, porque ele não falou comigo. James também mal falou. O único que não parava de falar era Christian.

Assim que James me deixou em casa ele disse:

- Precisamos conversar, Caroline.

- Caroline?- Ele só me chamava assim quando estava bravo.

- O que quer conversar? Porque estão todos estranhos desde ontem? – perguntei.

- Como assim todos? Todos ou o seu namoradinho?

Gelei.

- Namoradinho?

- Taylor não é seu namoradinho?

- Não!

- Caroline, eu já sei o que aconteceu, ok? Mas eu não quero falar sobre isso agora. Ah! Amanhã as nove eu te pego para irmos a festa de encerramento da campanha da Bench. Vai ser em um bar fechado em Los Angeles. Esteja pronta! Tchau!

Ouvi os pneus cantarem e fiquei mais uns dois minutos na porta de casa pensando no que tinha escutado. Quem será que falou para ele? Tarik? Taylor??

Resolvi mandar uma mensagem assim que entrei:

CAROL: COMO JAMES SABE O QUE ACONTECEU COM A GENTE???

TAYLOR: NAO SEI. NAO POSSO FALAR AGORA. SORRY

Ok. Eu estava ferrada, definitivamente.

Depois de tomar um banho e desfazer as malas percebo meu celular piscando. Pulei como louca e pensei: finalmente ele vai me responder!!! Mas me enganei:

CHRISTIAN: OI! HOJE É SEXTA! NOSSO JANTAR ESTÁ DE PÉ?

Ah não!!! Tinha esquecido do jantar!!! Merda! Não quero ir, mas não podia me dar o luxo de fazer isso.

CAROL: OK… QUE HORAS?

CHRISTIAN: NOVE, PODE SER?

CAROL: PODE.

CHRISTIAN: QUE BOM! ATÉ MAIS TARDE.

Joguei o celular longe e fui escolher um modelito para o jantar com o produtor gato, ops, chato!

Um comentário:

Deixe seu comentário! A sua opinião sobre as fanfics é muito importante para que os autores continuem escrevendo. Fale sobre o mais gostou, sobre o que espera ler nos capítulos seguintes. Comente sobre seus personagens favoritos e os que mais detesta. Não deixe de comentar, seja mais ativo e evite que as fanfics entrem em hiatos por desmotivação da autora em escrever. Não seja um leitores fantasma. Comente agora mesmo!

DEIXE SEU RECADO!

SITE DE NOTICIAS - TAYLOR LAUTNER MANIA