10 janeiro 2016

Fanfiction: Every Detail - Capítulo 32




- Daqui a pouco os exames saem e eu volto com o resultado - Acordei com alguém falando e percebi que era o médico. Quando me viram, vieram em minha direção.

- Como está se sentindo, querida? - O médico pergunta.

- Com fome – Falo com naturalidade e eles sorriem.

- Vou pedir para que uma das enfermeiras traga algo para você comer – Assinto - Com licença.

- Eu falei com a Bia, Paul e Demi, eles estão preocupados. Disseram que vinham para cá, mas eu disse que não, que iria ficar tudo bem.

Taylor se aproxima e alisa meu rosto.

- Eu sei que você não gosta de hospitais, amor. Mas é preciso.

- Tudo bem, eu aguento.

Ficamos lá conversando até o médico chegar com papéis em mãos.

- Os exames estão prontos – Ficamos ouvindo atentamente todas as várias coisas que proferia – É, acho que é isso.

- Acha o quê, doutor? - Taylor fica preocupado.

- Como você me disse: muita fome, enjoos demais, ás vezes problemas com a pressão – Fez uma pequena pausa e sorriu - Isso quer dizer que vocês vãos ser pais.

- Eu estou grávida? - Murmuro e ele assenti. Tudo para, fico completamente sem reação, não só eu, Taylor também.

- Eu vou ser pai? – Ele reagi depois de um tempo e me dou conta de que está com lágrimas nos olhos e sorrindo.

- É, parece que sim - Falo e meus olhos enchem de lágrimas. Ele vem até mim e nos abraçamos, estávamos felizes.

- Parabéns para os papais – O doutor interrompe o momento - Agora tenho que ir, vou falar para enfermeira trazer algo para você comer – Isso me fez lembrar que ele não trouxe minha comida da primeira vez que pedi.

- Cadê meu celular? - Enxugo as lágrimas e faço o mesmo com o Tay. Selamos nossos lábios e ele pega meu celular, que estava no seu bolso e disco o número da Bia.



Ligação on*





- Luma? Como você está? Está sentindo alguma coisa? – A interrompo.

- Calma, Bia – Riu.

- Desculpa, mas o que houve? Está sentindo alguma coisa?

- Bia, calma, estou sentindo sim.

- Sentindo o quê? Ai meu Deus! – Seu tom de preocupação volta.

- Fome - Falo um pouco alto, fazendo Taylor rir – Mas, tem como você passar na minha casa e pegar uma muda de roupa?

- Tem sim, daqui a pouco estou ai – Desligou sem se despedir.


Ligação off*



- Pensei que você já iria falar.

- Só quando eles chegarem.

- E será que eles vão vir?

- Quer apostar um pacote de marshmallow? - Falo e ele ri - Estou falando sério – Fecho a cara.

- Apostado - Apertamos as mãos e caímos na risada.

- Vem cá, vem... - Faço manha.

- Espera – Vem para perto de mim.

- Deita aqui comigo – Ele deita, porém logo a enfermeira chega com a comida e eu devoro tudo. Ficamos deitados fazendo carinho um no outro, ás vezes ele ficava beijando minha barriga e isso me fazia cócegas.

- Chegamos - Três seres entram no quarto e olho para o Taylor, soltando uma gargalhada.

- Eu disse, marshmallow para mim - Comemoro e todos veem me abraçar e me dar um beijo.

- Está aqui a roupa – Bia me entrega uma mochila.

- Agora quero saber o que aconteceu – Demi me olha curiosa.

- É que umas três pessoas aqui vai ser tios – Conto de uma vez e Taylor abre um sorrisão. No começo eles não se tocaram do que eu quis dizer, mas logo a ficha caiu.

- Meu Deus, eu não acredito! Você está...? – Interrompo a Demi.

- Grávida? Sim, estou - Todos sorriram e vieram nos dar os parabéns.
De 16h00min horas, o médico me deu alta e passou uma lista de tudo o que eu devo ou não deixar de comer e dai fomos. Fomos todos para a casa de Taylor, mas antes...

- Quero meu marshmallow – Faço-me de emburrada.

- Amor, não. Compramos outro dia – Taylor protesta.

- Taylor Daniel Lautner, você quer que o nosso filho nasça com cara de marshmallow? – Apelo para o lado sentimental da coisa e logo paramos em um mercado. No meio do caminho eu já estava quase com todo o marshmallow na barriga.

- Me da um, amor.

- Não – Bato em sua mão e continuo comendo com maior gosto.

- Você é chata – Murmura quando chegamos em casa.

- Chata mesmo – Mostro a língua.

- Vem cá – Pega-me no colo.

- Taylor, no chão, agora.

- Au, au, au – Imita um cachorro.

- Está bem lobinho, você venceu - Os três atrás riram da cena..




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário! A sua opinião sobre as fanfics é muito importante para que os autores continuem escrevendo. Fale sobre o mais gostou, sobre o que espera ler nos capítulos seguintes. Comente sobre seus personagens favoritos e os que mais detesta. Não deixe de comentar, seja mais ativo e evite que as fanfics entrem em hiatos por desmotivação da autora em escrever. Não seja um leitores fantasma. Comente agora mesmo!

DEIXE SEU RECADO!

SITE DE NOTICIAS - TAYLOR LAUTNER MANIA