28 março 2016

Fanfic: Ela é para o meu irmão - Cap 43

Capa/Fic: Jéssica_keli - Jéssica TLM.

Se você quer começar a acompanhar a fic [Clique Aqui] e leia os capítulos anteriores.
para ficar por dentro da fic leia o capitulo 42 para relembrar onde parou [Aqui]
Boa Leitura!

Aquele cheiro estava tão impregnado na minha mente, que duvidei se apenas um sonho..
Será que era real?
Taylor jamais saberia onde eu estava e mesmo se soubesse não faria oque eu tanto duvida se era sonho se era real..

Derre pente senti uma pontada na cabeça, era uma possível enxaqueca, ressaca.
Levantei-me com a voz gritando em minha mente “ele Faria ou não faria, faria ou não faria?”

Sei que 06:30 na agitação que estava não voltaria mesmo a dormir, então pensei em ir tomar um café no restaurante do hotel.

Tomei um banho e me arrumei, de cabelos molhados notei que ainda sentia aquele perfume no quarto, olhei a minha volta – será que estou ficando louca?

Respirei fundo para ver se deixava de sentir aquele perfume e tudo que eu pensava era “era oficial estava ficando maluca de saudades!”

Decidi ir ao restaurante do hotel e tomar um café muito forte.
Estava cheio de hospedes suas conversas e até o barulho das porcelanas eram trovões em minha cabeça.

Olhando a xícara de café na mesa, notava a dor de cabeça mais intensa, enrugando a testa de dor agradeci as torradas para o garçom que logo se retirou.
A TV ficava um pouco distante mais em minha direção pude prestar atenção no jornal, me lembrei de flashs daquele sonho, lembrei-me do calor da sua pele na minha, julguei rapidamente ter sido um sonho, parecia tão real! Conseguia lembrar da sua pele, do seu calor.

Fixada olhando para a TV senti aquele perfume que antes estava impregnado no meu quarto derre pente ficar muito mais forte.

Ao olhar para frente avistei Rick chegar, rapidamente sorri para ele mais seus olhos desviaram para baixo, mais porque ele os desviou?

Estranhei seus olhos me olharem tão diferente, talvez culpados, mais culpados do que?
Pegando seu café sobre o balcão do restaurante tentou sorrir e acenou mais ao se retirar notei seu perfume tão idêntico ao do Taylor.
Paralisada, Assustei-me com oque poderia ter feito, não! não acredito!

E se tudo foi real? Mais e se não foi a realidade? Se for o que foi, eu vou matar o Rick! O olhei se retirando do restaurante.

Levantei segurando minha raiva, cadê o amigo que ele dizia que era?

Procurando ele pelo local, olhando de um lado para o outro, procurava decidida esclarecer este engano do qual já tinha quase certeza, só podia ter sido ele.
E Desde quando eu fui tão burra!? Uma bebida poderia ter feito isso comigo? Que raiva! não!

Caminhando pelo hotel impaciente olhando para os lados – Emili?
  Me virei, era Larissa  – esta tudo bem?

Ainda sentindo dor de cabeça – o que esta fazendo acordada essa hora? Caiu da cama? – riu
–quase isso – continuei a olhar para os lados a procura de Rick.

–Emili, aproveitando que você esta aqui, não que ir comigo? vou ver as fotos do nosso trabalho de ontem.

Ainda não lembrava da noite passada com clareza, mais pensando nas possibilidades do que poderia ter acontecido, me lembrava de flashs daquela noite. – Emili ?

–Claro.. – Respondi tentando não demostrar minha distração quanto a ela.
Saímos do hotel em direção a Van que nos acompanhava desde que chegamos

Derre pente as lembranças embaçadas me faziam Lembrar das mãos macias sobre meu corpo, beijos quentes, mais não conseguia lembrar de nenhum rosto, rapidamente encontrei-me em choque!

Não podia ter acontecido isso! –Emili? – Despertei-me ao ver Larissa passar uma das mãos na frente do meu rosto.

–Emili, esta tudo bem? – Tentei disfarçar – sim, só senti uma dor de cabeça..

–quer voltar para o hotel? Por que posso ligar para o Rick vir te buscar e aí – não! – ela estranhou minha resposta depressa, então disfarcei – não.. eu já estou me sentindo melhor.

Ela sorriu – então esta bem.. – abriu a porta da Van para entrarmos

Ao sentarmos na parte da frente ela pediu que o motorista nos levasse até o lugar.
Enquanto esperávamos chegar ao destino, refleti e tentei pensar no que faria, no que diria, Droga! Se isso realmente aconteceu, Taylor jamais me perdoaria..

Há! Mais pensando bem, não devo nada a ele! Mais Rick talvez irá querer satisfações, ou alguma conversa depois de tudo que talvez tivesse acontecido, como fui tão tola!

–Emili? – Despertei-me assustada – Oi?

Ao perceber como eu estava Larissa não questionou, mais mostrou que já observava meu comportamento tão estranho, ela deu meio sorriso – Chegamos, vamos?

Respirei fundo, precisava de folego, meu coração acelerava tanto, era o receio de tudo que pensava ser verdade, teria muitos problemas para resolver..
Caminhando até o local fomos autorizadas a entrar, depois de alguns minutos esperando Larissa entrar na reunião sobre nosso trabalho com os responsáveis estive na sala principal olhando todas as fotos sobre a mesa e isso me distraiu.

Haviam-se passado uma hora e eu já estava tediada, ter que ficar olhando as fotos dele nesse tempo não estava ajudando muito..

Ouvi os passos de Larissa – Emili, vou ao banheiro e já vamos embora
 – esta bem, vai lá – sorri e voltei a olhar as fotos sobre a mesa.

Peguei uma foto dele nas mãos para olhar  mais de perto – A imagem ficou muito nítida? ou é porque sou eu?

Olhei pra trás, se meu coração já acelerava, imagina agora!
Tentei forçar o máximo para olhá-lo nos olhos, mais estava sendo impossível, mentir para ele, ficar com outra pessoa não estava nos meus planos! E eu nem sabia se tinha!
Tentei sorrir.

–esta tudo bem Emi? – Sim, esta.. – Tentei mais não consegui encara-lo.

Era como se pensasse que meus olhos pudessem dizer tudo que no momento eu escondia.

–Queria poder tido tempo pra conversar com você mais, será que – Emili? – voltou Larissa e ao ver Taylor deu um sorriso extravagante.

–Oi Taylor! – sorriu e então disfarcei – vocês já se conhecem?
Ela animada respondeu – é Claro, né Taylor? – ele balançou a cabeça ainda me olhando.

– Foi no dia que chegamos, mais é uma surpresa saber que vocês se conhecem, já que você não pôde ficar no dia do ensaio fotográfico - Disse inocentemente e nós ficamos em silencio tentando mostrar alguma expressão que disfarçasse nosso receio dela querer ir mais a fundo.

Nossa atenção foi atraída para a entrada, Tarick entrava tranquilamente e mais a me ver sua cara mudou, mais porque todo aquele espanto?
Olhei para Taylor mostrando que não havia entendido a expressão dele e então Taylor franziu a testa, talvez não havia entendido também, pois sua expressão era tão confusa quanto a minha.

Tarick meio receoso esticou os lábios – eai Emili – Oi – Respondi com estranheza e Larissa nos olhava querendo entender por que tanto mistério nos nossos olhares.
Mais pra mim o verdadeiro mistério era as trocas de olhares de Taylor e Tarick.

Notando a curiosidade de Larissa achei melhor cortar aquela conversa.

– Bom, nós temos que ir,  vamos Larissa? – a mais seria ótimo se – não, lembra que você disse que precisávamos voltar para o hotel – ela me olhou de uma forma “garota cala boca, é Taylor Lautner na nossa frente! Estamos disponíveis” com os olhos respondi “Somos profissionais ou não somos?”

Ela jogou o olhar para o alto mostrando que eu vencia – Ok, bom meninos foi ótimo ver vocês, mas precisamos ir – ela olhou Taylor e sorriu – não quer me dar seu numero para tomarmos um café um dia desses? agora que sei que vocês conhecem a Emili e então – Tarick segurava seu sorriso entre seus lábios apertados.
Olhei para ele e ele ergueu a sobrancelha,  Larissa estava dando em cima do Taylor na minha frente, que vontade de esganar ela.. – Larissa, vamos. – Falei entre os dentes.

–Oque foi Emili? Espera – virou para Taylor e ele antes de olha-la me olhou em seguida sorriu e ela completou – toma meu cartão, me liga assim que puder, podemos marcar só para nós dois e – Larissa, vamos – sem notar mostrei o quanto não gostava daquela situação.

Ele pegou o cartão sem jeito e esticou os lábios, o olhei como se quisesse esgana-lo, torcia para agora olhar na minha cara mais não fez.
– esta bem Emili, vamos – disse ela gentilmente, cadê aquela mulher mandona?

Puxando ela pelo braço delicadamente ela questionava a minha pressa – você estava com pressa antes.

Caminhando pedi que ela continuasse que precisava perguntar uma coisa ao Tarick e ela então continuou a caminhar. Voltei correndo e antes que entrasse no local onde estávamos caminhei normalmente e Taylor estava conversando com Tarick mostrou-se surpreso com a minha volta.

Fui até ele – me dê licença – sorri artificialmente, deixando meus ciúmes falarem muito mais muito mais alto e puxei o cartão de sua mão, eles ficaram em silencio até a minha saída.

Fui a procura de Larissa e ela estava na Van.
–Ai ele é tão lindo né? Será que ele vai me ligar?

Encostei-me na poltrona querendo lhe responder como merecia, mais ela logo mudou de assunto.
–Que foi? Que cara é essa?

–Nada, só estou cansada – respondi sem controlar minha irritação.

–Também né, voltou tão tarde.. – como você sabe? – perguntei sem graça.

–Ah, o Rick me disse hoje de manhã – oque mais ele te disse? – perguntei rápido e ela arregalou os olhos e sorriu – nada.. Emili oque foi?

– Ai! – passou as mãos no rosto e tentei me acalmar – nada.. não é nada.. eu vou ficar bem.

Ela então riu e comentou – Bom, achei muito estranho é, quando fui até o seu quarto ele estava no corredor e pediu que eu deixasse você dormir mais um pouco, porque você foi dormir muito tarde.. Aí eu achei intrigante, como ele sabia disso? – ironizou com uma risadinha.

–para, não é isso que você pensou.

–tem certeza de que esta falando a verdade pra mim? para que mentir Emili? Ele é gostoso demais não tem porque esconder isso! – riu.

Ai! A 2 minutos eu estava com raiva dela, agora eu estava mais, queria manda-la calar a boca. A me ver quieta a encarando riu.
– oque foi?

– você definitivamente não esta bem – completou e chamou o motorista da van.
Voltando para o Hotel pensei no que diria ao Rick, se perguntaria ou se mataria ele. Estava confusa! Envergonhada! Sentindo-me irresponsável.

Andando pelos corredores em direção ao quarto de Rick ao chegar em sua porta desisti, não estava tendo coragem para enfrenta-lo, eu estava com raiva!

Tranquei-me no quarto, Deitei na cama, sem fome, sem sono, inquieta, tentava lembrar a noite passada.
Adormeci sem ao menos perceber o sono chegar.
-----------------

Depois do almoço conversei com a Larissa sobre não ir com eles de volta para Los Angeles e por ela estava tudo ok, avisei a Ashley e voltei para arrumar minhas coisas. Iria um dia antes para o hotel dela, ela precisava da minha ajuda com a escolha de seus vestidos e obviamente teria que comprar o meu.

Chegando lá com a Ashley no Shopping escolhi um vestido bem simples, não queria chamar atenção, afinal o evento era dela e de suas amigas. Mais Ash recusou e preferiu escolher meu vestido sem eu poder dá nenhuma opinião.

Enquanto ela somente coloca o vestido próximo ao meu corpo e julgava tamanho e cor explicava que não queria tanto, mas estava sendo totalmente ignorada.

No outro dia a noite, fomos jantar somente nos duas. Enquanto jantávamos recebi uma mensagem no celular. “-Não fui embora com a equipe, precisamos conversar, preciso pedir desculpas – Rick.”

Respirei fundo, um cala frio tomou conta de mim e Ashley logo notou.

- oque foi? – ainda encarando o celular pensando como iria conversar com Rick depois do que houve a respondi – ainda nada..

- como assim ainda? – perguntou e eu a olhei – Acho que cometi um erro, grave..

Ela me olhou preocupada, tentando imaginar o que era.
-alguém te enviou mensagem, deixa eu ver – dei o celular em sua mão mais ela não entendeu.

-Quem é Rick?

Respirei fundo antes de responder – Um amigo, ex.. amigo – disse lembrando da magoa que já criava por Rick ter permitido tudo aquilo  que me atormentava “aquele erro”

- ele errou com você? Por que na mensagem ele esta pedindo desculpas.

- Eu não sei, não me lembro.. – ao dizer isso que para mim fazia todo sentido para ela era totalmente fora de contexto, não imaginava oque estava por detrás desta mensagem.

Ashley também me julgaria, assim como a minha mente, sabia que não tinha que dividir isso com ninguém.
- me conta.. oque aconteceu? – ao ver sua preocupação disfarcei – não é nada, ele só é um bobo. – tentei sorri.

-mais você ficou pálida quando viu a mensagem dele, então achei que – não é nada Ashley, eu resolvo depois. – Sorri e ela calou e tentou sorrir.

Acho que decepcionava Ashley neste momento, havia acabado de esconder dela e parecia que ela sentia que eu realmente mentia.

Seu telefone tocou e ela se levantou para atender.
Ao nota-la distante disquei o numero do Rick e liguei.
Enquanto chamava me preocupava com a chegada dela.

- Oi Emi – O que você quer falar comigo?

-só posso falar com você pessoalmente, posso te ver ainda hoje? É muito serio.

-hoje não dá! e amanhã eu vou a um evento, oque te fez ficar? Era pra você ir com eles!

Ouvi sua respiração forte e ele então completou – é por isso que precisamos conversar, você é importante pra mim Emili, eu preciso falar com você pessoalmente.
Ao ouvi-lo pude ver o quanto errei, ele era meu amigo, não estava vendo desta forma!

A ver Ashley se aproximar – preciso desligar.
-amanhã às 17:00 antes do evento te ligo – falou a desligar o celular pensei “como ele sabia o horário do evento?”
Pensativa Ashley me despertou – esta tudo bem Emili?

- Estou – Vamos ver os garotos hoje?
- Não acho uma boa ideia, preciso descansar, não dormi bem essa noite.
-humm.. por que? Recebeu visita a noite? – piscou e riu.

Fiquei sem jeito, a única pessoa que ela pensaria seria o Taylor.
Tentei cortar o assunto e sorri – ainda estou com dor de cabeça, faz tempo que não bebo..
Ela sorriu percebendo minha escapada.

-tenho uma noticia, não sei si é boa, não quero esconder de você – oque é?
-Tarick e Taylor resolveram dar um pulo no evento.
A encarei como se quisesse dizer “Sabia que isso ia acontecer!” então ela respondeu – oque é? Não fui eu que convidei ta legal!

- quem é que foi então?
Ela olhou para o lado e sorriu – O Thor.
-mudou muita coisa, não é mesmo? – ironizei.
-Ah mais Emili não precisa ficar desconfortável com isso, ele estará ocupado..
Tentei sorrir, talvez para mostrar conforto a ela.
- - - - - -
Naquela noite eu mal dormi, mais o dia já começava cheio de tarefas, apressadas organizando tudo chegava o pessoal para auxiliar cada uma das meninas.
Enquanto colocava as roupas da Ashley no cabide ouvi passos apressados enquanto alguém ordenava algumas pessoas que não prestei atenção ao meu lado.
-Emili! – ouvi a voz de Ashley e me virei.

Ela estava com suas colegas de trabalho que a me ver sorriram.
- Meninas quero apresentar vocês a minha amiga Emili – Retribui o sorriso a elas e Ashley completou – Emili essa é a Lucy.

- Oi Emili, prazer em conhece-la – e essa é a Shay – Shay acenou e sorriu mais uma vez.
-Essa é a Troian e essa é a Sasha – Oi! Ouvir falar muito bem de você Emili – veio me abraçar.

Sentindo-me muito bem recebida por elas Shay riu e comentou – Geralmente, quando estou atuando também olho quando me chamam de Emili.
E elas sorriram – na rua quando penso que não estão chamando sempre tem alguém que grita “A meu Deus é a Em” e rimos.

Entrou uma mulher no local gritando elas e então elas olharam para trás.
-nós precisamos ir Ashley – Avisou Troian.
-Vamos – Sasha completou – Foi ótimo conhece-la, até mais Emili.
-Até mais Emi, pode te chamar de Emi? – perguntou Shay.
- as vezes me chamam assim – e ela sorriu – então até mais Emi.
Ashley me olhou e em seguida olhou Lucy e riu – Sabia que você me lembrava alguém, olha Lucy ela lembra você.

Lucy e eu nos olhamos estranhando a comparação de Ashley, Shay e Troian riu.
-Você e sua mania de achar que todo mundo se parece né Ashley, vem vamos.
E elas riram – Até daqui a pouco Emili – falou uma delas enquanto as outras riam e se retiravam e Ashley ficou.

- daqui a pouco eu volto pra gente poder se arrumar – esta bem! – sorri.
- - - - - -
Enquanto nos arrumávamos Ashley ouviu meu celular tocar.
Tentava ajeitar meu vestido na frente do espelho, ele estava mais justo do que antes pensava.

-Emi seu celular não para de tocar! – ela então olhou o visor – Emili é aquele Rick outra vez.

Joguei o olhar pra cima, não ia de jeito nenhum conversar com ele agora.
Abaixei-me para colocar o sapato e ao levantar ela sorriu – você esta linda! – obrigada, mais você esta muito mais! – sorri e voltei a ajeitar no espelho o que me incomodava.

O celular insistia e ela riu - Emili atende ele..

-agora não posso vou me maquiar, já esta quase na hora, lembra? – ela olhou para o celular na estante e esticou os lábios, acho que ela estava com pena.
- estou com pena dele.. – falou.

“viu não estava enganada ela estava com pena, risos” – vou Atender ele Emili e vou dizer que você vai atendê-lo depois, ok?
Atendeu antes que eu respondesse – Oi Rick!

Parei para ver sua reação enquanto o ouvia – Sim, ela esta aqui mais esta ocupada no momento, pode ligar daqui há 15 minutos? – abri os olhos como quem queria dizer “oque?”

E ela abriu os olhos como se quisesse dizer “é isso ai”
-sim Rick, garanto que ela ligara pra você, se ela não ligar eu mesma liga, esta bem?

Acho que ele havia ficado feliz, não sei, mais sei que perguntou quem falava, mais acho que ele já imaginava quem era.
- é a Ashley, não ouviu falar de mim? – ela me olhou e respondeu depois de ouvi-lo – ual! Não sabia que Emili tinha um amigo que era um fã meu, isso é muito legal!

Joguei o olhar para o alto, acho que ela não iria soltar o celular nem tão cedo.
Fui me arrumar enquanto ouvia Ashley conversar.

-Terminei – Sussurrei e ela pensou em querer passar o telefone para mim, mais recusei.
Sussurrei – vou te esperar lá em baixo com o meu celular e não demora, vou pegar o seu carro! – peguei a chave da estante.

Depois de alguns minutos ela desceu e me entregou o celular – toma, acho que você deveria ouvi-lo.

-o que ele te disse? – perguntei com medo – nada demais, só quis explicar o motivo o qual você possa não querer falar com ele.

-ele te contou? – hum.. contou. Mais disse que queria conversar com você, mais eu o tranquilizei, acho que ele esta equivocado.

A olhei receosa, ou ela não imaginava a verdadeira historia..
-bom. Vamos. – sorriu ela ligando o carro.

Chegando lá, havia muitos fãs, muitos jornalistas etc.. Flashs para todo o lado.
Os funcionários do evento nos ajudaram a passar mais Ashley foi ficando para trás por causa dos jornalistas então procurei um lugar mais calmo.

Chegando próximo a um lugar onde todos os artistas participantes estavam me sentei.
Que alivio eu sentia em meus olhos, sem flash, sem gritos, ali estava calmo.
Enquanto ouvia uma musica baixo tinha uma mesa enorme cheia de comida e bebida, der repente foi me dando sede.

-Esta com sede? Quer beber alguma coisa? – perguntou uma voz feminina em seguida como se lesse pensamentos, olhei e sorri.
Era Lucy.

- acho que vou aceitar uma água – Sorri e fui até a mesa e ela me seguiu.

Ela me olhou e esticou os lábios – esta tão cheio la fora, precisava de 10 minutos de silencio.

-se bem que tem uma musica tocando.. – sorri e ela riu – mais não tem gritos..

-é verdade.. – se bem que eu adoro. – deve ser legal..
-você não é artista? – estranhou.

-Hã, não, só sou uma fotografa mesmo – sorri e ela sorriu – que legal! É uma profissão ótima!

Sorrimos – Ashley já tinha falado de você para mim, ela disse que toda vez que te vê lembra de mim, não acho que somos tão parecidas assim, ou somos?

Ri – a.. eu também não acho, mais vai entender a Ashley.. – rimos
Ela olhou o relógio – ai, já passou meus 10 minutos, preciso voltar, mais daqui a meia hora eu estou de volta, espero que se divirta no nosso evento.
-obrigada – vocês são adoráveis e ela sorriu - Adorei te conhecer, temos que lembrar de marcar um dia para nós, vou avisar a Ashley.

-Pode deixar – sorri enquanto ela se retirava.
Ao me virar congelei quem estava todo arrumado atrás de mim era quem eu menos imaginava que poderia estar ali.

“Rick” mais oque ele fazia aqui?!
-oque você faz aqui?

-por que não me atendeu?

-por que estou aqui! – antes não estava – joguei o olhar para o alto – depois a gente conversa – passei por ele e ele segurou meu braço – Emili a gente precisa conversar e agora, antes que você saiba por outro.

Estranhei ele e olhei dentro do fundo dos seus olhos “mais oque ele queria tanto conversar que não poderia deixar pra depois?”
Puxei meu braço e ele disse – vem comigo – passou por mim, joguei o olhar para alto e o segui.

Passamos por um corredor e em seguida entramos em uma sala mais reservada que as outras.
Ele fechou a porta e então eu voltei e a abri.
Achei melhor ficar próxima a porta, sabe lá oque ele vai dizer!
Ele sorriu notando minha insegurança em estar no mesmo lugar que ele.

- oque você esta rindo? – nada.. - tentou parar de sorrir.

-Emili agora é serio, mil desculpas por tudo, eu sei que te decepcionei.

-eu não me lembro de nada.

-por isso mesmo, foi errado, poderia ter sido qualquer desconhecido.

-eu confiava em você.

-eu sei e é por isso que estou aqui, esses vacilos não se diz pelo telefone, me perdoa..

-como eu vou te perdoar? Você sabia que eu estava bêbada! Como pode sentir prazer com isso?!

Ele estranhou, ficou em silencio por alguns segundos e completou – como assim sentir prazer?

- você me fez de boba, eu poderia te denunciar a policia! Como você pode fazer isso sabendo que eu não estava bem?

-Emili, eu sei que você tem todo o direito de me odiar por isso, mais eu estou aqui pra te pedir desculpas, eu achei que você ia gostar!

-como e eu não lembro e nem lembraria de nada! – ué faz de novo! – riu e me deixou furiosa, ao notar minha cara imediatamente se aproximou de mim.

-olha me desculpa é serio – dei um passo atrás.

-achei que fosse meu amigo.. – meus olhos encheram de lagrimas – mais estou vendo que me enganei.

-Emili me desculpa eu estava desesperado, eu te disse – pela Ashley e não por mim!

-Emili esta louca? – perguntou confuso.

-você não tinha o direito Rick! – Emili eu queria tanto conhecer ela, mas eu não sabia que se eu deixasse seu ex-namorado entrar no seu quarto te deixaria tão brava assim! Ele parecia gostar de você!

Indaguei – oque?


2 comentários:

  1. Ai meu Deus, kkkkkkkkkk adoro as confusões da Emi por isso Taylor e Tarick estavam tão misteriosos, e o Taylor esse safadinho. Esperando o próximo capítulo em rápido viu.

    ResponderExcluir
  2. Kkkkkkk melhor fanfic!
    Não demora com o próximo cap plmds okay?

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário! A sua opinião sobre as fanfics é muito importante para que os autores continuem escrevendo. Fale sobre o mais gostou, sobre o que espera ler nos capítulos seguintes. Comente sobre seus personagens favoritos e os que mais detesta. Não deixe de comentar, seja mais ativo e evite que as fanfics entrem em hiatos por desmotivação da autora em escrever. Não seja um leitores fantasma. Comente agora mesmo!

DEIXE SEU RECADO!

SITE DE NOTICIAS - TAYLOR LAUTNER MANIA