29 novembro 2016

Fanfiction: Believe - Capítulo 35





A semana passou voando. Na sexta eu já parti para Omaha, a primeira cidade que eu visitaria com a minha turnê. 
Trabalhos a parte, ser a namorada de Taylor Lautner era maravilhoso, até a imprensa descobrir tudo nesse meu primeiro show. Taylor estava no estádio. Ficou onde os fotógrafos ficaram, bem na frente, junto com Danny e Tarik, que fez questão de ir também ao meu primeiro show. 



Coitado, foi muito fotografado e os meus fãs gritavam descontroladamente. Isso ele me contou depois do show.
A cada música ele não tirava os olhos de mim e eu, para não perder a concentração, nem olhava para ele. Eu sabia que ele estava lindo, orgulhoso de mim e eu me enchia de amor por aquele homem a cada dia. Ele prometeu que ficaria comigo na noite da estreia da turnê e foi mágico. Tudo tinha dado certo e ele ao meu lado completou minha felicidade e o meu sucesso.


Depois do show ele já estava no camarim me esperando. 


- Você estava maravilhosa! - ele me rodopiou.
- Obrigada! Gostou mesmo?
- Claro, foi perfeito!


Eu suspirei e o beijei. 


- Estamos aqui, tá - disse Danny interrompendo.


Rimos e conversamos sobre o show.


- E os fotógrafos, hein? Atacaram você, né? – comento com Taylor.

- Normal - respondeu sem se incomodar.
- Ah, esqueci que você já teve uma namorada cantora - eu disse revirando os olhos.
- Ah, tá com ciúme. Você nunca tem ciúme de mim - ele disse. Gargalho. 
- Ciúmes para quê? Nem bonito você é, tem um sorriso horrível!


Todos riram.


- Vou trocar de roupa e podemos ir, ok? Estou exausta - eu disse.


O que eu mais queria era minha cama! Parece fácil, mas fazer um show requer energia e só em uma noite era uns 2kg a menos facilmente.


Fomos para o hotel. Tarik ficaria com Danny até o dia seguinte e depois voltaria com Taylor para Los Angeles. Eu já morria de saudades só de pensar.


- E aí, vamos jantar? - Danny perguntou.
- Não! Cada um janta no seu quarto - Taylor respondeu rápido e todos riram.
- Nossa, Taylor que vergonha – falo.
- Vergonha nada, temos que aproveitar - respondeu rindo.
- Taylor tem razão. Tchau gente, boa noite - disse Tarik saindo.


Entramos na suíte enorme que nos esperava. 


- Um banho bem juntinho ia bem - Taylor me abraça por trás.


Se eu não tivesse o namorado mais lindo e gostoso do mundo, eu jamais teria aceitado o banho. Estava exausta, mas era impressionante como eu ficava disposta com ele.
Depois do banho de quase duas horas, graças a banheira gigante que tinha, pedimos o jantar. Comemos como se morássemos na Etiópia de tanta fome!
Ainda assistimos a um filme para fazer digestão, mas não teve jeito. Ficar ao seu lado de camisola sem fazer nada era demais. Ele já me atacou na segunda parte do filme e nos amamos como nunca. Foram uma, duas, três vezes. Ou mais, que eu consiga lembrar. O melhor era sentir seu cheiro em mim e dormir abraçadinho com alguém que se ama.





*** Taylor POV ***




Era péssimo acordar e ter que ir embora. Ter que deixá-la era um sofrimento. Por mim ficaria com ela até o último show da turnê, mas o trabalho me chamava.



- Tchau, meu amor. Se cuida, hein. E eu vou te encontrar assim que puder - eu disse.
- Tay, só venha quando realmente estiver livre, ok? Não deixe sua carreira uma bagunça por minha causa.
- Ah, depois me fala quando puder jantar com meus pais, certo? Eles já estão avisados.
- Ah, tá bom, aviso sim. Boa viagem.


Beijamo-nos como se fosse o último beijo. Era difícil largar. Eu e Tarik fomos para o aeroporto e no voo acompanhamos todas as notícias do dia. Nem preciso dizer que eu e Jenny éramos o foco das páginas e redes sociais. Como ninguém confirmava nada e ninguém nos viu entrando no hotel juntos, ainda era mera especulação. Entretanto mesmo assim meus amigos me ligariam para perguntar. 


Assim que chegamos a L.A, meu celular deu o primeiro sinal de vida. 



- Patrick? – atendo.
- Não acredito que você está de novo com aquela brasileira!


Eu revirei os olhos e respirei fundo antes de responder.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário! A sua opinião sobre as fanfics é muito importante para que os autores continuem escrevendo. Fale sobre o mais gostou, sobre o que espera ler nos capítulos seguintes. Comente sobre seus personagens favoritos e os que mais detesta. Não deixe de comentar, seja mais ativo e evite que as fanfics entrem em hiatos por desmotivação da autora em escrever. Não seja um leitores fantasma. Comente agora mesmo!

DEIXE SEU RECADO!

SITE DE NOTICIAS - TAYLOR LAUTNER MANIA